O estágio supervisionado na formação do professor de Matemática: refletindo sobre as experiências

Autores

  • Wellington Lima Cedro UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2013.v1.44

Resumo

Este trabalho constitui-se no relato da experiência de organização do Estágio Supervisionado do curso de licenciatura em Matemática desenvolvida no Instituto de Matemática da Universidade Federal de Goiás (IME/UFG). Desde a promulgação de uma série de diretrizes legais pelo Conselho Nacional de Educação, a formação docente passa a ser compreendida como um processo permanente que envolve tanto a valorização da identidade do professor como da sua profissionalidade. Neste processo de formação docente, um dos elementos curriculares que se coloca como imprescindível é o estágio, que passa a ser concebido como um “campo de conhecimento”, suplantando o tradicional reducionismo ao qual era submetido, quando entendido como uma mera atividade prática. Atendendo a estas novas demandas, o IME/UFG reelaborou a proposta de organização do Estágio Supervisionado. O desenvolvimento desta proposta de organização do Estágio vem oferecendo a nossa comunidade de futuros professores, a oportunidade de colocar-se na perspectiva da busca das verdades sobre as ações que os formam.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-05-03

Como Citar

Cedro, W. L. (2013). O estágio supervisionado na formação do professor de Matemática: refletindo sobre as experiências. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 1(1), 284–302. https://doi.org/10.34024/olhares.2013.v1.44