BREVES REFLEXÕES SOBRE A EDUCAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE LÍNGUA PORTUGUESA

Autores

  • Sandro Luis Silva Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2014.v2.276

Resumo

Neste artigo objetiva-se apresentar algumas reflexões sobre a necessidade de se repensar a função da Universidade em relação à educação continuada de professores, a partir do registro de observação de aulas de Língua Portuguesa, feito por alunos estagiários. Para isso, trazemos um breve diálogo com autores e legislação que tratam dessa modalidade de educação, como, por exemplo, Pacheco e Flores (1999), Alves (2000) e Porto (2000). O texto está dividido em duas grandes seções: na primeira evidenciamos discute-se o aparato teórico e, na segunda, analisa-se a fala dos estagiários em relação à atuação do professor da escola básica. Concluímos que, em tempos de tantas transformações, faz-se necessária a atuação da Universidade em ações que favoreçam a Educação Continuada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Sandro Luis Silva, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

Professor adjunto de língua portuguesa e ensino no Departamento de Letras da UNIFESP, campus Guarulhos

Downloads

Publicado

2014-11-30

Como Citar

Silva, S. L. (2014). BREVES REFLEXÕES SOBRE A EDUCAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE LÍNGUA PORTUGUESA. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 2(2), 277–300. https://doi.org/10.34024/olhares.2014.v2.276