O PROCESSO DE HUMANIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL MEDIADO PELOS CONTEÚDOS DA MÚSICA

Autores

  • Gislaine Rossler Rodrigues Gobbo Sistema Municipal de Educação Bauru-SMEB
  • Karina Locilha Cocato UNESP- Campus Marília

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2023.v11.14440

Palavras-chave:

Educação Infantil, Educação como humanização, Educação musical

Resumo

A música é de todas as artes, a mais subjetiva, pois particulariza as emoções, possibilita a expressão do ser humano e contribui para a humanização. O papel da escola é proporcionar a aquisição de diferentes tipos de linguagem estética, incluindo a musical. O Objetivo do estudo é apresentar situações de ensino na escola considerando a música como fonte sonora, na apreciação na diversidade dos gêneros musicais e na contextualização da música como produto cultural e histórico. Para tanto, explicita-se o processo de humanização, ancorado nas funções psicológica superiores e na situação social do desenvolvimento. Coloca-se a favor da questão, uma sequência didática aplicada por uma professora da Educação Infantil, com a música Outono-Allegro de Antônio Vivaldi, adotando para validação dos fundamentos teóricos, um texto escrito por uma mãe, direcionado à professora, explicitando elementos da humanização defendidos pela Psicologia Histórico Cultural. Os resultados denotam que o processo de humanização do homem é uma possibilidade, pois existem formas de ensino, que elevam esse patamar, incluindo-se os conteúdos da educação musical como linguagem em práticas de contextualização e sentido. A educação musical sensibiliza, alterando a realidade material da criança por meio de uma ação docente que recria e transforma o próprio sujeito.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gislaine Rossler Rodrigues Gobbo, Sistema Municipal de Educação Bauru-SMEB

Doutorado UNESP- Marília (2018); Mestrado  UNESP-Marilia (2011). Especialização em Educação Infantil e Educação em Arte. Graduação em Letras e em Pedagogia (UNISAGRADO). Diretor de Escola da Prefeitura Municipal de Bauru (2015-2022) Coordenador de Educação Infantil (Secretaria Municipal de Educação Bauru- 2017-2020). Autor e organizador dos materiais: orientações para professores da Primeira Infância e Currículo- Infantil bebês -S. M.E. B.

Karina Locilha Cocato, UNESP- Campus Marília

Graduação Pedagogia-USC. Diretora de escola de Educação Infantil do Sistema Municipal de Educação de Bauru. Participante da elaboração do "Currículo para o Infantil - Bebês" do Sistema de Ensino do Município de Bauru. Membro do Grupo de Estudos CEPLLI, literatura e filosofia da linguagem. UNESP – Marília. 

Referências

ALMEIDA, Berenice de; LEVY, Gabriel. O livro das brincadeiras musicais da Palavra Cantada . Melhoramentos: São Paulo, 2009.

BAURU (SP). Secretaria Municipal de Educação. Proposta pedagógica para a Educação Infantil do Sistema Municipal de Ensino de Bauru/SP.(Org). PASQUALINI, Juliana Campregher: TSUHAKO, Yaeko Nakadakari, Bauru: Secretaria Municipal da Educação, 2016. Bauru: Secretaria Municipal de Educação, 2016. https://www2.bauru.sp.gov.br/arquivos/arquivos_site/sec_educacao/curriculo_comum_educacao_infantil.pdf. Acesso em 2/10/2022

BODROVA, Elena; LEONG, Deborah J. Tools of the Mind: The Vygotskian approach to early childhood education . Columbus, OH; Merrill/Prentice Hall, 2007

BRITO, Teca Alencar de. Música e educação: alianças sensíveis. No tom. revista do CAEM – Central de Apoio às Escolas de Música, São Paulo, 2003.

CHAVES, Marta; FRANCO, Adriana de Fátima. Primeira infância: educação e cuidados para o desenvolvimento humano. In MARTINS, L.M; ABRANTES, A.A.; FACCI, M.G.D. Periodização Histórico-Cultural do Desenvolvimento Psíquico: do nascimento à velhice. Campinas, SP: Autores Associados, 2016.

CHEROGLU, Simone; MAGALHÂES Giselle Modé. O primeiro ano de vida: vida uterina, transição pós-natal e atividade de comunicação emocional direta com o adulto. In: MARTINS, Lígia Márcia; ABRANTES, Angelo António; FACCI, Marilda Gonçalves Dias. Periodização Histórico- Cultural do desenvolvimento psíquico: do nascimento à velhice. Campinas: Autores Associados, p. 93-108, 2016.

DUARTE,Newton. Educação escolar, teoria do cotidiano e a escola de Vygotski . Campinas, Autores Associados, 2007.

ELKONIN. Daniil B. Sobre el problema de la periodização del desarollo psicquico em la infância. In SHUARE.M ( ORG). La psicologia evolutiva y pedagogia en la URSS. Moscú: Editorial Progresso,1987, p.104-124.

GONÇALVES, Augusto Charan Alves Barbosa; PEDERIVA, Patrícia Lima Martins. Música é uma linguagem (?): Ser ou não ser? Eis a questão. In: PEDERIVA, Patrícia Lima Martins: GONÇALVES, Augusto Charan Alves Barbosa; ABREU, Fabrício Santos Dias de (org). Educação Estética: a arte como atividade educativa. São Carlos: Pedro & João editores, 2020.

GONÇALVES, Augusto Charan Alves Barbosa. “Precisamos do nome próprio da arte”. In: SOUZA, Alisson da Silva (org.) O desenho livre e a arte na Educação infantil sob o olhar da Teoria Histórico-Cultural. Curitiba: CRV, 2022.

GUILHERME, Claudia Cristina Fiorio. Musicalização Infantil: trajetórias do aprender a apreender o quê e como ensinar na educação infantil. In: ANGOTTI, Maristela. Educação Infantil: para que, para quem e por quê. Editora Alínea: Campinas/ SP, p. 157-162, 2010.

LAZARETTI, Lucineia Maria.; ARRAIS, L. F. O Que Cabe no Currículo da Educação Infantil? Um Convite à reflexão. Educ. Anál., Londrina, V.3, N.2, p.27-46, jul./dez. 2018. https://redib.org/Record/oai_articulo2429223-o-que-cabe-curr%C3%ADculo-da-educa%C3%A7%C3%A3o-infantil-um-convite-%C3%A0-reflex%C3%A3o. Acesso em 8/08/2022

LAZARETTI, Lucinéia Maria. Uma palavra sobre currículo na educação infantil. In: PASQUALINI; TSUHAKO. (orgs.) Proposta pedagógica da educação infantil do sistema municipal de ensino de Bauru/SP. p.165-175. Bauru: Secretaria Municipal de Educação, 2016.Bauru: Secretaria Municipal de Educação, 2016. https://www2.bauru.sp.gov.br/arquivos/arquivos_site/sec_educacao/curriculo_comum_educacao_infantil.pdf. Acesso em 2/09/2022

LEONTIEV, Aleksei Nikolaevich. Las necessidades y los motivos de la actividad. In: SMIRNOV, A.A.; LEONTIEV, A.N.; RUBINSHTEIN, S.L.; TIEPLOV, B.M. (orgs). Psicología. México: Grijalbo, p.341-354,1960.

LEONTIEV, Aleksei Nikolaevich. Desenvolvimento do Psiquismo. Lisboa: Livros Horizonte, 1978.

LEONTIEV, Aleksei Nikolaevich. Uma contribuição à teoria do desenvolvimento da psique infantil. In: VIGOTSKI, L. S., LURIA, A. R.; LEONTIEV, A. N. Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. São Paulo: Ícone, 2010.

LEONTIEV, Aleksei Nikolaevich. Atividade, Consciência, Personalidade. Tradução Priscila Marques. Bauru/SP. Mireveja, 2022.

LIMA, Elieuza A. de. Re-conceitualizando o papel do educador: o ponto de vista da Escola de Vigotski. 2001. 159 f. Dissertação (Mestrado em Ensino na Educação Brasileira). Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade do Estado de São Paulo, Marília, 2001.

LISINA, M. La génesis de las formas de comunicacion en los ninos. In DAVIDOV, Vasiliv V; SHUARE, M. (Org.) la psicologia evolutiva e pedagógica em la URSS: antologia. Moscou: editorial, 1987. P. 274-298.

LURIA, Alexander Romanovich. Sensações e Percepção: Psicologia dos processos cognitivos (Curso de Psicologia Geral). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1991. v. II.

MARTINS, Lígia Márcia. O Desenvolvimento do Psiquismo e a Educação Escolar: contribuições à luz da psicologia histórico-cultural e da pedagogia histórico-crítica. Tese de Livre Docência em Psicologia da Educação. Bauru: Departamento de Psicologia / Universidade Estadual Paulista (UNESP), 2011.

MARTINS, Lígia Márcia. O desenvolvimento do psiquismo e a educação escolar: contribuições à luz da psicologia histórico-cultural e da pedagogia histórico-crítica. Campinas, Autores Associados, 2013.

MARTINS, Lígia Márcia. Desenvolvimento do pensamento e educação escolar: etapas de formação de conceitos à luz de Leontiev e Vigotski. Fórum Linguístico, v. 13, p. 1572-1586, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/forum/article/view/1984-8412.2016v13n4p1572. Acesso em: 06/09/2022

PASQUALINI, Juliana Campregher; LAZARETTI, Lucinéia Maria. Que Educação Infantil queremos? Um manifesto em defesa da Educação escolar para crianças pequenas. MIREVEJA:Bauru/SP, 2022.

PEDERIVA, Patrícia Lima Martins.. Práticas educativas para o desenvolvimento da musicalidade das crianças na educação infantil. In: COSTA, Sinara Almeida da; MELLO, Suely Amaral.Teoria Histórico-Cultural na Educação Infantil: conversando com professoras e professores. Curitiba: CRV. p.165- 172, 2017.

PEDERIVA, Patrícia Lima Martins. Educação Estética Histórico Cultural: conversando com estudantes e profissionais da educação e da psicologia. In: SOUZA, Alisson da Silva (org.) O desenho livre e a arte na Educação infantil sob o olhar da Teoria Histórico-Cultural. Curitiba: CRV, 2022.

PUENTES, Roberto Valdes. L. S. Vigotski e a aprendizagem desenvolvimental: contribuições de D. B. Elkonin, V. V. Davidov e V. V. Repkin. Coleção biblioteca psicopedagógica e Didática. Série ensino desenvolvimental v. 17. São Carlos: Pedro & João editores, 2023.

PINO, Angel. As marcas do Humano: às origens da constituição cultural da criança na perspectiva de Lev. S. Vigotski. São Paulo: Cortez, 2005.

ROSSLER, João Henrique. O papel da brincadeira de papéis sociais no desenvolvimento do psiquismo humano. In: ARCE, Alessandra; DUARTE, Newton. Brincadeira de papéis sociais na educação infantil. São Paulo: Xamã, 2006, p. 51-63.

SMIRNOV, A.A.; LEONTIEV, A.N.; RUBINSHTEIN, S.L.; TIEPLOV, B.M. (orgs). Psicología. México: Grijalbo, 1960.

TSUHAKO, Yaeko Nakadakari et al. Música. In: PASQUALINI; TSUHAKO. (orgs.) Proposta pedagógica da educação infantil do sistema municipal de ensino de Bauru/SP. p.505-538., 2016 Bauru: Secretaria Municipal de Educação, 2016. https://www2.bauru.sp.gov.br/arquivos/arquivos_site/sec_educacao/curriculo_comum_educacao_infantil.pdf. Acesso em 2/09/2022

VYGOTSKI, Lev. Semenovich. Obras escogidas. Tomo IV. Madrid: Visor, 1996.

VYGOTSKI, Lev. Semenovich. Obras escogidas. Tomo III. Madrid: Visor, 2000.

VIGOTSKI, Lev Semenovich. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

VIGOTSKI, Liev Semiónovitch. Escritos sobre arte. Organização, tradução e notas Priscila Marques. Bauru. SP: Mireveja, 2022

Downloads

Publicado

2023-05-29

Como Citar

Gobbo, G. R. R. ., & Cocato, K. L. . (2023). O PROCESSO DE HUMANIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL MEDIADO PELOS CONTEÚDOS DA MÚSICA. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 11(1). https://doi.org/10.34024/olhares.2023.v11.14440

Edição

Seção

SEÇÃO TEMÁTICA: GEPPEDH 10 ANOS: Educação e pesquisa na perspectiva histórico-cultural