Efeito do território sobre as desigualdades escolares: mudanças no caso de São Miguel Paulista de 2007 a 2009

Autores

  • Frederica Padilha Cenpec
  • Vanda Mendes Ribeiro Coordenadoria de Pesquisa do Cenpec
  • Antônio Augusto Gomes Batista
  • Luciana Alves Coordenadoria de Pesquisa do Cenpec
  • Hamilton Carvalho-Silva

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2013.v1.144

Resumo

Este artigo discute se e como as desigualdades socioespaciais presentes no interior da subprefeitura de São Miguel Paulista (SMP), leste do Município de São Paulo, impactam a desigualdade escolar. Usando o Ideb 2007, um primeiro estudo mostrou que: i) as desigualdades socioespaciais restringem a qualidade da oferta educacional das escolas em territórios de alta vulnerabilidade social; ii) escolas situadas nos territórios mais vulneráveis concentram mais alunos com recursos socioculturais mais baixos e iii) alunos com baixos recursos socioculturais, em escolas de territórios menos vulneráveis, tendem a ter melhores desempenhos na Prova Brasil. O segundo estudo, que utilizou o Ideb 2009, denota alterações nos vínculos entre as desigualdades socioespaciais e escolares: i) o Ideb cresceu, sobretudo em áreas mais vulneráveis, mas aumentou a segregação dos alunos; ii) o estudo corrobora o efeito de território sobre as oportunidades educacionais, porém, esse efeito é diferenciado para alunos com recursos socioculturais distintos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Frederica Padilha, Cenpec

Coordenadoria de Pesquisa do Cenpec

Antônio Augusto Gomes Batista

Coordenadoria de Pesquisa do Cenpec

Hamilton Carvalho-Silva

Coordenadoria de Pesquisa do Cenpec

Downloads

Publicado

2013-11-30

Como Citar

Padilha, F., Ribeiro, V. M., Batista, A. A. G., Alves, L., & Carvalho-Silva, H. (2013). Efeito do território sobre as desigualdades escolares: mudanças no caso de São Miguel Paulista de 2007 a 2009. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 1(2), 08–30. https://doi.org/10.34024/olhares.2013.v1.144