Por uma formação inicial de professores(as) de Moçambique na perspectiva freiriana: possibilidades e limites

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2021.v9.12547

Palavras-chave:

Formação inicial de professores, Ação-reflexão-ação, Diálogo, Moçambique

Resumo

Este artigo apresenta resultados de uma investigação que teve como objetivo examinar o atual estado da formação inicial de professores de Moçambique, com vistas a sugerir reformulações baseadas na proposta freiriana de educação. Com relação aos procedimentos metodológicos, optou-se pela abordagem qualitativa, com ênfase na investigação temática de Paulo Freire. A coleta de dados foi realizada por meio do Círculo de Cultura freiriano. Foram sujeitos desta pesquisa sete alunos e cinco alunas do Instituto de Formação de Professores de Inhamizua, no Município da Beira de Moçambique. A análise dos dados foi realizada pela técnica de Análise de Conteúdo temático-categorial. Os resultados permitiram concluir que a formação inicial de professores de Moçambique ainda se encontra norteada pelos princípios de uma educação bancária, o que obstaculiza a autonomia intelectual do(a) educando(a). Assim, inferiu-se que as práticas docentes moçambicanas não favorecem uma reflexão crítica sobre a prática de educadores(as) e educandos(as). Concluiu-se, portanto, que será preciso investir em formações continuadas que possibilitem uma práxis educativa crítico-reflexiva, por meio de uma pedagogia dialógica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lázaro Félix Manuel, Universidade Licungo-Moçambique

Mestre em Educação pela Universidade de Pernambuco(UPE). Professor da Universidade Licungo-Moçambique. Professor Colaborador do Centro de Ensino à Distância da Universidade Católica de Moçambique do Ensino Secundário Geral.

Maria de Fátima Gomes da Silva, Universidade de Pernambuco-UPE

Doutora em Ciências da Educação pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto-Portugal. Professora Associada e Livre Docente da Universidade de Pernambuco(UPE).

Referências

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2014.

DONIZETTI, Antonio et al. Currículo e Avaliação: novos territórios de aprendizagem. In: GADOTTI, Moacir et al. (org.). EaD freiriana livro eletrônico: artigos e projetos de intervenção produzidos durante o curso A escola dos meus sonhos. São Paulo: Instituto Paulo Freire, 2018. p. 78-88. Disponível em: https://www.paulofreire.org/download/eadfreiriana/E-book_A_Escola_dos_meus_Sonhos.pdf. Acesso em: 05 maio 2021.

DUAILIBE, Ana Karina Souza et al. A avaliação para o desenvolvimento da aprendizagem significativa e emancipatória em perspectiva freiriana. In: GADOTTI, Moacir et al. (org.). EaD freiriana livro eletrônico: artigos e projetos de intervenção produzidos durante o curso A escola dos meus sonhos. São Paulo: Instituto Paulo Freire, 2018. p. 78-88. Disponível em: https://www.paulofreire.org/download/eadfreiriana/E-book_A_Escola_dos_meus_Sonhos.pdf. Acesso em: 05 maio 2021

FREIRE, Paulo. Pedagogia de Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 57. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2018a.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 65. ed. Rio de Janeiro/São Paulo: Paz e Terra, 2018.

FREIRE, Paulo. Professora sim, Tia não: carta a quem ousa ensina. São Paulo: Olho d’Água, 1997.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da indignação: cartas Pedagógicas e outros escritos. São Paulo: UNESP, 2000.

FREIRE, Paulo; SHOR, Ira. Medo e Ousadia: o cotidiano do professor. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1986.

SAUL, Alexandre; SAUL, Ana Maria. A Metodologia da investigação temática: elementos políticos epistemológico de uma práxis de pesquisa crítico-emancipatória. Revista e-Curriculum, São Paulo, v. 15, n. 2, p. 429-454, abr./jun. 2017. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/curriculum/article/view/33157/23137. Acesso em: 18 set. 2019.

TOZONI-REIS, Marilia Freitas de Campos. Temas Ambientais como temas geradores: contribuições para uma metodologia educativa ambiental crítica, transformadora e emancipatória. In: Educar em Revista, Curitiba-PR, v. 27, p. 93-110, 2006. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/educar/article/view/6467. Acesso em: 12 jul. 2020.

Downloads

Publicado

2021-11-25

Como Citar

Manuel, L. F. ., & Silva, M. de F. G. da. (2021). Por uma formação inicial de professores(as) de Moçambique na perspectiva freiriana: possibilidades e limites. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 9(3). https://doi.org/10.34024/olhares.2021.v9.12547