A Educação Ambiental do ponto de vista das concepções de Desenvolvimento Sustentável na escola do campo

  • Adaiana Mallmann Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, PR
  • Irene Carniatto Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, PR
  • Clério Plein Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, PR
Palavras-chave: Escola, Sustentabilidade, Educação Ambiental

Resumo

A Educação Ambiental no Brasil surge em resposta às constatações de que a degradação ambiental é capaz de esgotar os recursos naturais finitos do planeta. Dessa forma, passou a ser considerada responsável em sensibilizar as pessoas, guiando-as para o avanço da consciência ambiental. Ao ser trabalhada na educação formal essa temática objetiva formar cidadãos atuantes para o desenvolvimento sustentável. O presente estudo expõe o resultado de pesquisas bibliográficas e a análise de atividades que foram desenvolvidas em uma escola do campo no município de Marechal Cândido Rondon, buscando relacioná-las com as diferentes perspectivas de desenvolvimento sustentável.

Referências

BOFF, L. A ética e a formação de valores na sociedade. Rev. Reflexão. Instituto Ethos. Ano 4, nº 11, outubro de 2003.

BOFF, L. Sustentabilidade: o que é - o que não é. 5ª Ed. revista e ampliada. Petrópolis – RJ: Vozes, 2016.

BONFIM, R.M.F.; HILDO, M.S. Oportunidades e desafios para a inserção de pequenos produtores em mercados modernos. In: CAMPOS, S.K.; NAVARRO, Z. (Org.) A pequena produção rural e as tendências do desenvolvimento agrário brasileiro: ganhar tempo é possível? Brasília: CGEE, p. 71 a 100, 2013.

BRASIL. LEI Nº 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a Educação Ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Disponível em <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9795. htm>. Acesso em 25 jun. 2018.

BRASIL. Decreto Federal nº 4.281, de 25 de junho de 2002. Regulamenta a Lei no 9.795, de 27 de abril de 1999, que institui a Política Nacional de Educação Ambiental, e dá outras providências. Disponível em <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2002/d4281.htm>. Acesso em 25 jun. 2018.

DIAMOND, J. Colapso - Como as sociedades escolhem o fracasso ou o sucesso. RAPOSO, Alexandre (trad.). 5ª ed. Rio de Janeiro/ São Paulo: Ed. Record, 2007.

DIAS, G.F., Educação Ambiental: princípios e práticas. 9ª Ed. São Paulo. Gaia. 2004.

FREIRE, P. Educação Como Prática da Liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra. 1967.

FREIRE, P. Extensão ou comunicação. 7ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1983.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

LAYRARGUES, P.P. O cinismo da reciclagem: o significado ideológico da reciclagem da lata de alumínio e suas implicações para a Educação Ambiental. In: LOUREIRO, C.F.B. LAYRARGUES, P.P.; CASTRO, R.S. (Org.) Educação Ambiental: repensando o espaço da cidadania. 5ª Ed. São Paulo: Cortez, p. 185-225, 2011.

LEFF, E. Discursos sustentáveis. Trad. Silvana Cobucci Leite. São Paulo: Cortez, 2010.

LIMA, G.F.C. Educação, emancipação e sustentabilidade: em defesa de uma pedagogia libertadora para a Educação Ambiental. In: LAYRARGUES, P.P. (coord) Identidades da Educação Ambiental brasileira. Ministério do Meio Ambiente. Dir. Educação Ambiental. Brasília. Ministério do Meio Ambiente, p.85 -111, 2004.

LIMA, G.F.C. Educação e sustentabilidade: possibilidade e falácias de um discurso. Encontro Associação Nacional de Pós Graduação e Pesquisa em Ambiente e Sociedade, 1, 2002, Indaiatuba. [Anais...] Indaiatuba, 2002 Disponível em: <http://anppas.org.br/encontro_anual/encontro1/gt/sociedade_ do_conhecimento/Gustavo%20F.%20Costa%20Lima.pdf>. Acesso em 23 jul. 2018.

MALLMANN, A. Desenvolvimento rural sustentável e Educação Ambiental: entre o discurso e a prática do Programa “Agrinho”. 2019. 145 f. Dissertação (mestrado), Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural Sustentável, Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2019.

PILETTI, C. Didática geral. 23ª ed. São Paulo: Ática, 2004. Disponível em: <https://praxistecnologica.files.wordpress.com/2014/08/piletti_didatica-geral.pdf> Acesso em 01 nov. 2018.

SACHS, I. A Terceira Margem: em busca do ecodesenvolvimento. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

SACHS, I. Caminhos para o desenvolvimento sustentável. 2ºEd. Rio de Janeiro: Garamond, 2002.

SACHS, I. Desenvolvimento: includente, sustentável, sustentado. Rio de Janeiro: Garamond, 2008.

Publicado
2020-02-15
Como Citar
Mallmann, A., Carniatto, I., & Plein, C. (2020). A Educação Ambiental do ponto de vista das concepções de Desenvolvimento Sustentável na escola do campo. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 15(1), 44-61. https://doi.org/10.34024/revbea.2020.v15.9469
Seção
Artigos