A Revista Brasileira de Educação Ambental (RevBEA) é fruto da organização e da capacidade de mobilização da Rede Brasileira de Educação Ambiental (REBEA). Ela tem um formato eclético (acadêmico e não acadêmico), em função do vasto e heterogêneo perfil dos protagonistas em Educação Ambiental (EA) do Brasil. Alia-se às inúmeras publicações internacionais e nacionais, oferecendo um outro espaço que possa revelar vivências, experiências, ensaios ou reflexões teóricas sobre a EA. RevBEA é uma revista com foco em estudos de Educação Ambiental, sendo que outras temáticas como Gestão Ambiental, Meio Ambiente ou similares que não se enquadrem no escopo da EA NÃO SERÃO ACEITOS.

A Rede Brasileira de Educação Ambiental (http://rebea.org.br/) foi criada em 1992. Sua carta de princípios é o Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis e Responsabilidade Global. Articula uma grande malha nacional de redes de educadores ambientais. Esta malha é feita de ideais, sonhos, conhecimentos e objetivos que, compartilhados, tecem a cidadania necessária para a construção de uma cultura de paz e uma sociedade sustentável. Sua missão é promover um amplo debate sobre os caminhos da educação ambiental no Brasil, apontando prioridades, métodos, técnicas, público alvo e estratégias de fortalecimento da atuação dos educadores ambientais. 

OBJETIVOS DA REBEA e da RevBEA:
  • Difundir e implantar o Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis e Responsabilidade Global.
  • Difundir e experiênciar a cultura organizacional de rede.
  • Propiciar a difusão de informações relacionadas aos temas presentes no exercício da Educação Ambiental.
  • Potencializar estratégias de atuação conjunta que apontem para uma maior definição do campo de atuação da EA.
  • Contribuir para o fortalecimento da atuação dos educadores e educadoras ambientais no país, através do incentivo e apoio à comunicação e à troca de informações.
  • Mapear iniciativas de EA, identificando métodos e técnicas bem sucedidas.
  • Identificar os principais setores (por área temática e/ou geográfica) fomentando o surgimento de redes temáticas/geográficas que funcionariam articuladas a REBEA, dando corpo a ela.
  • Contribuir para uma maior visibilidade e socialização de projetos e experiências da área de Educação Ambiental.
  • Promover os Fóruns de Educação Ambiental em nível nacional, descentralizando ações e propiciando o exercício presencial da Rede.
  • Avaliar e propor políticas públicas relacionadas à Educação Ambiental.
  • Apoiar a implantação da Política Nacional de Educação Ambiental.