Implantação de sistema de coleta seletiva como instrumento de transformação socioambiental

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2022.v17.12036

Palavras-chave:

Resíduos Sólidos Urbano, Educação Ambiental, Percepção Ambiental

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi a implantação de um sistema de coleta seletiva em um condomínio em São Luís/MA, visando a destinação correta dos resíduos, além da promoção da Educação Ambiental. Inicialmente foi realizado um diagnóstico para avaliar a percepção sobre Coleta Seletiva, por meio de abordagens e aplicação de um formulário. Posteriormente houve a construção e instalação de coletores e elaboração de material gráfico educativo. O diagnóstico mostrou que os moradores tinham interesse na implantação do sistema de coleta seletiva, porém a maioria não sabia como segregar os resíduos. Por fim, percebe-se a necessidade da sensibilização ambiental dos moradores a partir das ferramentas de Educação Ambiental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Igor Cavalcante Viana, Universidade CEUMA

Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Ceuma

Daniel Rocha Pereira, Universidade CEUMA

Mestre em Energia e Ambiente pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); Engenheiro Ambiental pela Universidade CEUMA/MA; Engenheiro de Segurança do Trabalho pela Universidade Estácio de Sá (UNESA); Especialista em Formas Alternativas de Energia pela Universidade Federal de Lavras  (UFLA); Especialista em Análise de Riscos Ambientais pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); Especialista em Planejamento e Manejo Integrado dos Recursos Hídricos pela Universidade Federal do Pará (UFPA); Doutorando em Biodiversidade e Biotecnologia pela rede Bionorte/MA; Docente e Pesquisador na Universidade CEUMA em São Luís/MA; Consultor na Empresa COMSEGMA Treinamentos e Serviços LTDA/MA;

Itapotiara do Carmo Corrêa Vilas Bôas, Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Graduada em Ciências Biológicas (Bacharelado e Licenciatura) pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); Mestre em Geologia - Estratigrafia e Paleontologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Docente na Faculdade Pitágoras, Campus Turu, São Luís/MA e Bolsista na Superintendência de Recursos Hídricos na Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Estado do Maranhão – SEMA, para Proteção de Águas Subterrâneas e Outorga de Diluição de Efluentes.

Osman José de Aguiar Gerude Neto, Universidade CEUMA

Graduado em Zootecnia pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e Mestre em Ciência Animal pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); Doutorando em Biodiversidade e Biotecnologia pela rede Bionorte - MA; Docente e pesquisador na Universidade CEUMA em São Luís/MA.

Mateus Gomes Ramos, Universidade CEUMA

Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Ceuma; Técnico Agrícola pelo IFMA.

Talles Augusto Gomes Costa Silva, Universidade CEUMA

Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Ceuma/MA.

Referências

ABRELPE. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EMPRESAS DE LIMPEZA PÚBLICA E RESÍDUOS ESPECIAIS. Panorama dos resíduos sólidos no Brasil 2019 – 2020. São Paulo: ABRELPE, 2020. Disponível em: <https://abrelpe.org.br/panorama/>. Acesso em: 08 set. 2020.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 10004: Resíduos Sólidos – Classificação. Rio de Janeiro: ABNT, 2004.

BERNARD, H. R. Research methods in cultural anthropology. Sage Publications, Newbury Park, 1988. 520p.

BESEN, G. R., Coleta seletiva com inclusão de catadores: construção participativa de indicadores e índices de sustentabilidade. [tese de doutorado]. São Paulo: Faculdade de Saúde Pública/USP. 2011

BRINGHENTI, J.R.; GUNTHER, W.M.R. Participação social em programas de coleta seletiva de resíduos sólidos urbanos. Engenharia Sanitária Ambiental, Rio de Janeiro, v. 16, n. 4, dez.2011.

COSTA, E. R. H.; BRINGHENTI, J.; LAIGNIER, I. T. R.; SANTANA, R. D.; GUNTHER, W. M. R.; SILVA, W. S. A participação social em programas de coleta seletiva por postos de entrega voluntária no município de Vitória (ES). Anais do 23º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental. Campo Grande/MS. 2005.

DIAS, R. Gestão Ambiental: Responsabilidade Social e Sustentabilidade. 3ª ed. São Paulo: Ática, 2010.

GOUVEIA, N. Resíduos sólidos urbanos: impactos socioambientais e perspectiva de manejo sustentável com inclusão social. Ciência e Saúde Coletiva, v.17 (06), 2012.

PEREIRA, M.C.G.; TEIXEIRA, M.A.C. A inclusão de catadores em programas de coleta seletiva: da agenda local à nacional. Cad. Ebape.Br, Rio de Janeiro, v. 9, n. 3, ago. 2011.

RIBEIRO, Helena; BESEN, Gina Rizpah. Panorama da coleta seletiva no Brasil: desafios e perspectivas a partir de três estudos de caso. Revista de Gestão Integrada em Saúde do Trabalho e Meio Ambiente, São Paulo, v. 2, n. 1, ago. 2007.

SANTANA, H.C. Percepção, motivações e barreiras dos moradores para participação em programas de coleta seletiva de resíduos sólidos domiciliares na microrregião de Ouro Preto (MG). Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Ouro Preto. Núcleo de Pesquisas e Pós-graduação em Engenharia Ambiental. 2013.

SOUZA, J.B.; RIBEIRO, K.V.; BATISTA, M.S.; SANTOS, KELLY P. Feirantes do extremo sul piauiense: percepção ambiental e produção de resíduos sólidos. Revista Brasileira de Educação Ambiental, v.16, n.2, p.259-276, 2021.

Downloads

Publicado

01-02-2022

Como Citar

Viana, I. C., Pereira, D. R., Bôas, I. do C. C. V., Gerude Neto, O. J. de A., Ramos, M. G., & Silva, T. A. G. C. (2022). Implantação de sistema de coleta seletiva como instrumento de transformação socioambiental. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 17(1), 418–432. https://doi.org/10.34024/revbea.2022.v17.12036

Edição

Seção

Artigos
Recebido: 2021-04-21
Aceito: 2021-12-07
Publicado: 2022-02-01

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.