Ensaio reflexivo sobre a biodiversidade e os valores humanos no contexto da pandemia

Autores

  • Luzia Maria Cristina de Souza Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Ecoville, PR
  • Marina Comerlatto da Rosa Universidade Tecnológica Federal do Paraná, PR
  • Lia Maris Orth Ritter Antiqueira Universidade Tecnológica Federal do Paraná, PR

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2020.v15.10780

Palavras-chave:

Comunidade; COVID-19;Educação Ambiental;Meio Ambiente. SARS-CoV-2.

Resumo

Este artigo apresenta reflexões acerca do surgimento de pandemias e a sua relação com a perda da biodiversidade, as mudanças climáticas e a exploração acelerada da natureza, que sinalizam sua situação atual de fragilidade e anunciam o esgotamento dos recursos naturais. A pandemia atualmente vivida (COVID-19) realçou também a desigualdade social e suas interfaces, impondo a necessidade de redefinição de condutas e tomada de decisões permanentes em prol do bem estar comum. A coletividade, a solidariedade e a cooperação, intra e interespecífica, devem se sobrepor ao individualismo. A discussão é elevada à relação de valores humanos e biodiversidade no contexto atual e pós-pandêmico, buscando-se vislumbrar na educação uma via para a construção epistemológica do bem viver para humanidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lia Maris Orth Ritter Antiqueira, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, PR

  

Referências

ALHO, C.J.R. The value of biodiversity. Brazilian Journal of biology, v.68, n. 4, 2008.

ALHO, C.J.R. Importância da biodiversidade para a saúde humana: uma perspectiva ecológica. Estudos Avançados, v. 26, n. 74, 2012.

BARCELLOS, C.; et al. Mudanças climáticas e ambientais e as doenças infecciosas: cenários e incertezas para o Brasil. Epidemiologia e Serviços de Saúde, Brasília, v. 3, n.18, p. 285-304, jul-set 2009.

BRASIL, Ministério do Meio Ambiente. Convenção sobre Diversidade Biológica: Série Biodiversidade 1. Brasília: MMA, 2000.

BOFF, L. A Águia e a Galinha. Uma metáfora da condição humana. 27ª edição. Petrópolis-RJ: Vozes, 1997.

BOFF, L. Sustentabilidade: o que é: o que não é. 4ª ed. Petrópolis: Vozes, 2015.

BOFF, L. A encíclica ecológica Laudato Si. 26 de maio de 2020. Disponível em: <https://aterraeredonda.com.br/a-enciclica-ecologica-laudato-si/>. Acesso em: 26 jul. 2020.

DAJOZ, R. Princípios de Ecologia. Porto Alegre: Artmed, 2005.

FERNANDES, V; SAMPAIO, C.A.C. Problemática ambiental ou problemática socioambiental? A natureza da relação sociedade/meio ambiente. Desenvolvimento e Meio Ambiente, Curitiba, n. 18: p. 87-94, jul/dez, 2008.

FRANCISCO, P. Carta Encíclica Laudato Si: sobre o cuidado da nossa casa comum. 2015. Disponível em:<https://w2.vatican.va/content/dam/francesco/pdf/encyclicals/documents/papa-francesco_20150524_enciclica-laudato-si_po.pdf>. Acesso 26 jul. 2020.

FREITAS, C.M. et al. Desastres naturais e saúde: uma análise da situação do Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, v. 19, n. 9, 2014.

JACOBI, P.B.; LAUDA-RODRIGUEZ, Z.L; MILZ, B. Natureza em declínio: a advertência do relatório IPBES sobre extinção de espécies. Ambiente & Sociedade, São Paulo, v. 22, n.2, p. 1-4, 2019. Editorial.

IANNI, A.M.Z. Biodiversidade e Saúde Pública: questões para uma nova abordagem. Saúde e Sociedade, v.14, n.2, 2005.

MATURANA, H.R.; VARELA, F.J. A Árvore do Conhecimento: as bases biológicas da compreensão humana. São Paulo: Pala Athenas, 2001

METZGER, J.P.; CASSATI, L. Do diagnóstico à conservação da biodiversidade: o estado da arte do programa BIOTA/FAPESP. Biota Neotropica, v. 6, n. 2, maio 2006.

MORIN, E. A via para o futuro da humanidade. Tradução Edgard de Assis Carvalho e Mariza Perassi Bosco. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2013.

MORIN, E. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Tradução Eloá Jacobina. 23ª ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2017.

ODUM, E.P.; BARRETT, G.W. Fundamentos de ecologia. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

OMS, Organização Mundial da Saúde.10 fatos sobre a prevenção de doenças em ambientes saudáveis, março de 2016. Disponível em:<https://www.who.int/features/factfiles/environmental-disease-burden/en/> Acesso em: 26 jul. 2020.

PRIMACK, R.B.; RODRIGUES, E. Biologia da conservação. Londrina: E. Rodrigues, 2001.

RICKLEFS, R. E. Economia da Natureza. 6ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2010.

SANTOS, B.S. A Cruel Pedagogia do Vírus. Coimbra: Almedina, 2020.

Downloads

Publicado

28-07-2020

Como Citar

Souza, . L. M. C. de, Rosa, M. C. da, & Antiqueira, L. M. O. R. (2020). Ensaio reflexivo sobre a biodiversidade e os valores humanos no contexto da pandemia . Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 15(4), 45–54. https://doi.org/10.34024/revbea.2020.v15.10780

Edição

Seção

Edição Especial
Recebido: 2020-06-11
Aceito: 2020-07-26
Publicado: 2020-07-28