Ambiente natural e o imaginário: mar, deserto, mata e chuva em representações pictóricas na educação infantil

Palavras-chave: Educação infantil, Educação ambiental, Representação pictórica

Resumo

A educação infantil se constitui na base da formação do sujeito no que tange à interação com o ambiente. Com base nesta premissa, o presente estudo apresenta o trabalho realizado em uma escola localizada no Rio Grande do Sul voltado à percepção da natureza dos estudantes. Foram analisadas representações pictóricas de mar, deserto, mata e chuva e os relatos das crianças por meio da Estatística Descritiva e análise qualitativa das falas dos alunos sobre os desenhos. Os resultados proporcionaram caracterizar o olhar dos alunos a respeito dos ambientes e as dificuldades de percepção do papel do ser humano na natureza, assim como a relevância das falas das crianças a respeito de suas representações pictóricas, evidenciando a importância de práticas educativas desta natureza na Educação Ambiental.

Biografia do Autor

Ana Gabriela da Silva Rocha, Universidade Luterana do Brasil

Bióloga, Mestre e Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciência e
Matemática da Universidade Luterana do Brasil. 

Rossano André Dal-Farra, Universidade Luterana do Brasil

Licenciado em Ciências-Biologia. Médico Veterinário. Mestre em Produção Animal-Melhoramento Genético Animal. Doutor em Educação. Professor e Pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática da Universidade Luterana do Brasil. 

Referências

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: terceiro e quarto ciclos: apresentação dos temas transversais. Brasília: MEC/SEF, 1998. p. 436.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília, DF, MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Lei nº 9. 795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a Educação Ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Brasília, DF,

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretrizes curriculares nacionais para a educação infantil. Brasília: MEC, SEB, 2010.

BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental. Brasília, DF, PARECER CNE/CP nº: 14. 2012.

CARRARO, G. Agrotóxico e Meio Ambiente: Uma Proposta de Ensino de Ciências e Química. Porto Alegre, 1997. Disponível em: <http://www.quimica.seed.pr.gov.br/arquivos/File/AIQ_2011/agrotoxicos_ufrgs.pdf> Acesso em: 23 de julho. 2016.

CARVALHO, I.C.M. Educação Ambiental: a formação do sujeito ecológico. São Paulo: Cortez, 2006.

CHEVALLARD, Y. La transposición didáctica: del saber sabio al saber enseñado. Buenos ]aires: AIQUE, 1998.

CLÉMENT, P. Didactic Transposition and KVP Model: Conceptions as Interactions Between Scientific knowledge, Values and Social Practices. ESERA Summer School, Minho, Braga, Proceedings, p.9-18, 2006.

CRESSWELL, J.W.; CLARK, V.L.P. Designing and Conducting Mixed Methods Research. Thousand Oaks: SAGE Publications, 2nd edition, 2011.

DAL-FARRA, R.A.; FETTERS, M.D. Recentes avanços nas pesquisas com métodos mistos: aplicações nas áreas de Educação e Ensino. Acta Scientiae, v. 19, n. 3, p. 466-492, 2017.

DAL-FARRA, R.A.; VALDUGA, M.A Educação Ambiental na formação continuada de professores: as práticas compartilhadas de construção. Linhas Críticas, v. 18, p. 395-415, 2012.

FANARO, M.A.; OTERO, M.R.; GRECA, I.M. Las imágenes en los materiales educativos: las ideas de los professores. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 4., n. 2, 2005.

GRÜN, M. Ética e Educação Ambiental: a conexão necessária. Campinas: Papirus, 2011.

LOPES, L. A. et al. As Concepções Sobre Insetos no Ensino Fundamental em Escola Pública de Sapucaia do Sul. Acta Scientiae, v. 16, p. 214-233, 2014.

LOUREIRO, J.O.; DAL-FARRA, R.A. Botany and environmental education in elementary school in Brazil: articulating knowledge, values, and procedures. Environmental Education Research, v. 24, n. 12, 2018.

LOUV, R. Last child in the woods. Nova York: Algonquin Paperbacks, 2008.

MILLER, J.R. Biodiversity conservation and the extinction of experience. Trends in Ecology and Evolution, v. 20, n. 8, 2005.

MORAES, R. Ciências para séries iniciais e alfabetização. Porto Alegre. Sagra: DC Luzzatto, 1992.

OTERO, M.R.; GRECA, I.M.; SILVEIRA, F.L. Imágenes visuales en el aula y rendimiento escolar en Física: un estudio comparativo. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 2. n. 1. P. 1-30, 2003.

PAIVA, J.R. Representações Pictóricas no ensino de física moderna: uma construção dos alunos. 2010. 206f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

PALÁCIOS, C.M.; DAL-FARRA, R.A.; GELLER, M. Concepções Sistêmicas na Educação Ambiental: uma experiência com alunos do ensino fundamental. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 1, p. 211-229, 2011.

PROENÇA, M.S.; DAL-FARRA, R.A.; OSLAJ, E.U.Native anda exotic species and enviromental education. In: 7th World Environmental Education Congress, Proceedings, 2013, Marrakech. 7th World Environmental Education Congress.

ROCHA, A.G.S. GHENO, S.R.; GONÇALVES, F.C.L.; DAL-FARRA, R.A. Educação infantil. Articulando a produção de desenhos com a Educação Ambiental em uma escola comunitária do sul do Brasil. Revista Ibero-americana de Educação, v. 72, 183-206, 2016.

ROCHA, A.G.S.; GHENO, S.R.; LOUREIRO, J.; DAL-FARRA, R. A. School Backyard Drawings by Kindergarten Students: An Interdisciplinary Experience in the South of Brazil. Creative Education, v. 06, p. 2136-2140, 2015.

STERN, M.J.; POWELL, R.B.; HILL, D. Environmental education program evaluation in the new millennium: what do we measure and what have we learned? Environmental Education Research, v. 20, n. 5, p. 581-611, 2014.

TUNNICLIFFE, S. D.; REISS, M. J. 2000. Building a model of the environment: how do children see plants? Journal of Biological Education, n. 34, p. 172-177, 2000.

WEISSMANN, H. Didática das ciências naturais: contribuições e reflexões. Porto Alegre: ArtMed, 2004.

Publicado
2021-03-10
Como Citar
Rocha, A. G. da S., & Dal-Farra, R. A. (2021). Ambiente natural e o imaginário: mar, deserto, mata e chuva em representações pictóricas na educação infantil. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 16(2), 177-292. https://doi.org/10.34024/revbea.2021.v16.10529
Seção
Artigos