QUALIDADE DE ENSINO NA MODALIDADE EJA SOB A ÓTICA DOS DOCENTES

Autores

  • Debora Cristina Jeffrey Faculdade de Educação da Unicamp
  • Sandra Fernandes Leite Faculdade de Educação da Unicamp

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2016.v4.525

Resumo

RESUMO: Este artigo apresenta a percepção dos docentes sobre a qualidade de ensino na modalidade EJA, considerando suas condições cotidianas de trabalho. Apresenta os documentos legais e indicativos de qualidade na EJA da Rede Estadual de São Paulo e do Município de Campinas. A análise aborda a qualidade na educação de jovens e adultos baseada em sete dimensões: insumos financeiros e de infraestrutura; gestão pedagógica; prática pedagógica e processo de ensino e aprendizagem; avaliação; formação continuada; relações no espaço escolar e relações no entorno, sob a ótica dos docentes e fazendo um recorte em Campinas/SP, baseou-se na pesquisa “Diagnóstico da qualidade de ensino na Educação de Jovens e Adultos”, financiada pelo Observatório da Educação/CAPES. Esta pesquisa realizou o levantamento bibliográfico referente à qualidade de ensino, a formação dos professores, às políticas públicas de EJA no Brasil e às orientações oficiais de âmbito federal, estadual e municipal sobre a EJA.
PALAVRAS-CHAVE: Qualidade de Ensino. Formação de Professores. Indicador de Qualidade. Educação de Jovens e Adultos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-05-25

Como Citar

Jeffrey, D. C., & Leite, S. F. (2016). QUALIDADE DE ENSINO NA MODALIDADE EJA SOB A ÓTICA DOS DOCENTES. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 4(1), 08–26. https://doi.org/10.34024/olhares.2016.v4.525