APRENDIZAGEM DE JOVENS E ADULTOS E EXCLUSÃO/INCLUSÃO

Autores

  • Emília Maria da Trindade Prestes Universidade Federal da Paraíba
  • Maria de Fátima Catão Universidade Federal da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.34024/olhares.2016.v4.444

Resumo

RESUMO: Neste estudo, dialoga-se com a Psicologia e a Educação, discute-se sobre exclusão/inclusão social e aprendizagem em contextos do vivido. Tomam-se como norte estudos anteriores realizados pelas autoras, referenciados pela alfabetização e escolarização continuadas de jovens e adultos e processos de exclusão/inclusão social. A dúvida que orienta o desenvolvimento do texto é se a alfabetização pode ser concebida como um benefício social e individual capaz de transformar realidades excludentes e promoção da inclusão. O texto está organizado com depoimentos de alunos da Educação de Jovens e Adultos, obtidos por meio de entrevistas, grupos focais e rodas de conversa, realizados em diferentes contextos escolares. Conclui-se que a aprendizagem alfabetizadora de jovens e adultos configura-se como possibilidade do indivíduo concretizar os seus desejos e as suas necessidades cotidianas, transformando-se em um ser social e humano mais digno, feliz e incluído socialmente.
PALAVRAS-CHAVE: Aprendizagem, Alfabetização de jovens e adultos, Exclusão/Inclusão social

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria de Fátima Catão, Universidade Federal da Paraíba

Universidade Federal da Paraíba, Departamento de Psicologia;

MPGOA- Mestrado em Gestão das Organizações Aprendentes;

Exclusão/Inclusão Social, Aprendizagem e Ser Humano- sujeito da aprendizagem

Downloads

Publicado

2016-05-25

Como Citar

Prestes, E. M. da T., & Catão, M. de F. (2016). APRENDIZAGEM DE JOVENS E ADULTOS E EXCLUSÃO/INCLUSÃO. Olhares: Revista Do Departamento De Educação Da Unifesp, 4(1), 142–160. https://doi.org/10.34024/olhares.2016.v4.444