Educação Ambiental para surdos - ASJA Verde: oficinas das águas

  • Tabita Teixeira Instituto Pró-Terra e ASJA - Associação dos Surdos de Jaú e Região, SP
  • Diego Fernando do Nascimento
  • Fernanda da Rocha Brando
Palavras-chave: Educação Ambiental; Surdos; Libras; Água., Educação Ambiental, Surdos, Libras, Água

Resumo

O Projeto “ASJA VERDE” é uma iniciativa de Educação Ambiental que vem sendo realizada desde 2015 com surdos, amigos e intérpretes da Associação de Surdos de Jaú e Região (ASJA), em parceria com o Instituto Pró-Terra, ambos localizados no Município de Jaú/SP.  Seu objetivo é o de promover a sensibilização e conscientização socioambiental junto com os surdos. Em 2018, foram realizadas seis “Oficinas das Águas” com um total de 26 horas e 20 participantes entre surdos e ouvintes. Nas oficinas foram trabalhadas e discutidas questões socioambientais relacionadas à água e a gestão compartilhada da água, tendo sido produzido ao final do processo vídeos de sensibilização e conscientização em Libras.

Biografia do Autor

Diego Fernando do Nascimento

Tecgº em Meio Ambiente e Recursos Hídrico – FATEC/JAHU, Licenciado em Ciências – USP/Polo Jaú, Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Rede Nacional para o Ensino das Ciências Ambientais (PPG-PROFCIAMB) - USP/São Carlos.

Fernanda da Rocha Brando

Profa. do Departamento de Biologia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto/USP e do Programa de Pós-Graduação em Rede Nacional para o Ensino das Ciências Ambientais (PPG-PROFCIAMB) - USP/São Carlos.

Referências

ASJA – Associação dos Surdos de Jaú e Região. História, Diretoria, Leis e Projetos. Disponível em: <https://www.asja.com.br/>. Acesso em: 8 out. 2018.

BRASIL. Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras e dá outras providências. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/2002/L10436.htm>. Acesso em: 10 set. 2017.

BRASIL. Decreto nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei Nº 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras, e o art. 18 da Lei Nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/decreto/d5626.htm>. Acesso em: 29 out. 2017.

BRASIL. Lei nº 9.795 de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a Educação Ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências.

BRASIL. Lei nº 9.433, de 8 de janeiro de 1997. Institui a Política Nacional de Recursos Hídricos e cria o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9433.htm>. Acesso em: 22 nov. 2017.

BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. Secretaria de Recursos Hídricos. Declaração Universal dos Direitos da Água. Porto Seguro: MMA/SRH, 2000 (Histore de L’eau, George Ifrah, Paris, 1992).

BERNED, I. da S. Oficinas: a criação de estratégias na educação de surdos. 2014. 104 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2014. Disponível em: <https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/7152/BERNED,%20IGOR%20DA%20SILVEIRA.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em: 3 nov. 2018.

BUZAN, T. e B. The Mind Map Book. Plume, 2 ed., 1996.

CARLETTO, C. (Coor.). Como funciona uma estação de tratamento de água?.(?). Disponível em: <http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/bitstream/handle/mec/5035/open/file/index.html?sequence=8&eventSource=2>. Acesso em: 3 jun. 2018.

CRÓNICAS DE LOS TIEMPOS. Carta de 2070. 2012. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=VTc9UPtW2ts>. Acesso em: 10 jun. 2018.

PERES, D. L. A. A utilização da ilustração e da imagem artística na divulgação científica para surdos. 2012. 79 f. Dissertação (Mestrado em Química Biológica) - Instituto de Bioquímica Médica, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2012.

QUADROS, R. M. de; KARNOPP, L. B. Língua de sinais brasileira: estudos linguísticos. Porto Alegre: Artmed, 2004.

SORRENTINO, M.; TRAJBER, R.; MENDONÇA, P.; FERRARO Jr., L. A. Educação Ambiental como política pública. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 2, p. 285-299, maio/ago, 2005.

SOUSA, A. N. de. The book is not on the table: o desenvolvimento da escrita de surdos em Língua Inglesa (LE). In: QUADROS, R. M. de; STUMPF, M. R. (Org.). Estudos Surdos IV. Petrópolis: Arara Azul, 2009. p. 206-241.

TEIXEIRA, T. Material educomunicativo para o ensino de surdos: Educação Ambiental para as águas. 2019. 118f. Dissertação (Mestrado profissional em Ensino de Ciências Ambientais) - Programa de Pós-Graduação em Rede Nacional para o Ensino de Ciências Ambientais, Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo: São Carlos, 2019. Disponível em: <https://teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18160/tde-20082019-205809/es.php>. Acesso em: 15 out. 2019.

TEIXEIRA, T.; CARAMANO, A. ASJA Verde: intervenção participativa de Educação Ambiental na ASJA – Associação dos surdos de Jaú e região. REBEA – Revista Brasileira de Educação Ambiental, v. 12, n. 4, p. 221-241, 2017

VEOLIA. Coleta e tratamento de Águas Residuais. 2016. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=bi2PD2HxrBQ>. Acesso em: 03 jun. 2018.

WWF-BRASIL. Cadernos de Educação Ambiental! Água para a vida, água para todos: livro das águas. Brasília: WWF- Brasil, 2006.

Publicado
2020-02-20
Como Citar
Teixeira, T., Nascimento, D. F. do, & Brando, F. da R. (2020). Educação Ambiental para surdos - ASJA Verde: oficinas das águas. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 15(1), 261-276. https://doi.org/10.34024/revbea.2020.v15.9358
Seção
Artigos