O Movimento Escoteiro e a Educação Ambiental: análise da presença da Educação Ambiental não-formal em uma tropa escoteira em Paranaguá (PR)

  • Lucas Lahoni Soares Raposo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná - Campus Paranaguá
  • Allan Paul Krelling Instituto Federal do Paraná - Campus Paranaguá
  • Izabel Carolina Raittz Cavallet Instituto Federal do Paraná - Campus Paranaguá
Palavras-chave: Escotismo, Educação Ambiental, Educação não-formal, Movimento Escoteiro, Política Nacional de Educação Ambiental

Resumo

O Escotismo é um movimento norteado pela prática da educação não-formal. A Educação Ambiental é atrativa para o Escotismo, visto que o mesmo busca desenvolver no jovem o respeito pela natureza. Este trabalho procurou identificar a presença dos princípios da Política Nacional de Educação Ambiental nas atividades desenvolvidas no Movimento Escoteiro. Elaborou-se um roteiro de observação quali-quantitativo de atividades escoteiras e observaram-se diretamente cinco diferentes atividades desenvolvidas no Grupo Escoteiro do Mar Ilha do Mel, situado no município de Paranaguá - PR. Os resultados indicaram que algumas atividades possuem um grande potencial para serem ferramentas de educação ambiental, enquanto outras não obtiveram o mesmo êxito.

Referências

BRASIL. Lei n° 9795 de 27 de Abril de 1999. Política Nacional de Educação Ambiental, Brasília, DF. Disponível em: . Acesso em: 02 jan. 2018.
ESCOTEIROS DO BRASIL. Política Nacional de Programa Educativo. Curitiba, 2018.
ESCOTEIROS DO BRASIL. Princípios, Organização e Regras. Curitiba, 2013.
ESCOTEIROS DO BRASIL. Projeto Educativo do Movimento Escoteiro. Curitiba, 2017.
ESCOTEIROS DO BRASIL. Relatório Anual 2017. Curitiba, 2018.
ESCOTEIROS DO BRASIL, Região do Paraná. Relatório Anual 2017. Curitiba, 2018.
MARCOMIN, Fátima Elizabeti. Educação ambiental: uma incursão na percepção ambiental e na sensibilização imagética. Rev. Eletrônica Mestrado em Educação Ambiental. E-ISSN 1517-1256, v. 31, n.2, p.106-126,, jul./dez. 2014. Disponível em: . Acesso em: 17 jun. 2018.
NAGY, Laszlo. 250 milhões de Escoteiros. 2ª Edição. Genebra: The World Scout Foundation, 1985.
PAOLILLO, Christiane. Educação Ambiental e Educação Científica no contexto do Movimento Escoteiro. Experiências em Ensino de Ciências, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 93-105, 2009. Disponível em: . Acesso em: 02 de jan. de 2018.
Publicado
2019-09-13
Como Citar
Soares Raposo, L. L., Krelling, A. P., & Raittz Cavallet, I. C. (2019). O Movimento Escoteiro e a Educação Ambiental: análise da presença da Educação Ambiental não-formal em uma tropa escoteira em Paranaguá (PR). Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 14(3), 91-102. https://doi.org/10.34024/revbea.2019.v14.6815
Seção
Artigos