Percepção dos educandos da educação profissional técnica sobre a Educação Ambiental: um estudo de caso no IFSUL/CaVG

Autores

  • Viviane Aquino Zitzke Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSUL) - câmpus Pelotas - Visconde da Graça (caVG)
  • Patrícia Mendes Calixto Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSUL) - câmpus Charqueadas

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2019.v14.2707

Palavras-chave:

Educação Ambiental Crítica e Transformadora, Educação Profissional Técnica, Ensino Médio Integrado à Educação Profissional Técnica

Resumo

O artigo emerge da pesquisa de mestrado, e objetiva demonstrar a abordagem da Educação Ambiental no âmbito da Educação Profissional Técnica, de acordo com a percepção dos educandos do Curso Técnico em Vestuário, na forma de ensino integrado, do câmpus Pelotas - Visconde da Graça (CaVG). A Educação Ambiental investigada parte de uma visão crítica e transformadora da educação, para tanto autores como Loureiro (2004, 2006 e 2007) e Sauvé (2005) balizaram este entendimento. A pesquisa tem caráter qualitativo com dados analisados através de um questionário misto, com perguntas fechadas e abertas, aplicado à turma de formandos do curso, composta por oito estudantes. Os resultados apontaram para a prevalência da concepção conservadora da Educação Ambiental. A percepção do grupo estudado revelou que não há integração curricular tão pouco transversalidade do tema Educação Ambiental como determina a legislação. Palavras-chave: Educação Ambiental Crítica e Transformadora. Educação Profissional Técnica. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional Técnica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viviane Aquino Zitzke, Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSUL) - câmpus Pelotas - Visconde da Graça (caVG)

- Professora do Curso Técnico em Vestuário e do Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda do IFSUL - campus Pelotas- Visconde da Graça - Lic. e Bel. em Ciências Domésticas pela UFPEL - Esp. em Gestão Empresarial pela FURG - Mestra em Educação pelo IFSUL/campus Pelotas

Patrícia Mendes Calixto, Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSUL) - câmpus Charqueadas

- Lic. Geografia (FURG) - Esp. Educação (CEFET- Pelotas) - Mestrado e doutorado em Educação Ambiental (FURG) - Pós Doutorado em Gestão de Recursos Humanos para Sustentabilidade (UL - Lisboa). - Professora de Geografia no IFSul - Câmpus Charqueadas. - Compõe o colegiado do PROFEPT - Câmpus Charqueadas.

Downloads

Publicado

17-09-2019

Edição

Seção

Relatos de Experiências
Recebido: 2018-12-11
Aceito: 2019-08-31
Publicado: 2019-09-17

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.