Educação Ambiental crítica e estudos de patrimônio crítico: intersecções e virada para pedagogias decoloniais

  • Bárbara Pelacani Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO
  • Tiago Silva Alves Muniz Universidade Federal do Pará
  • Celso Sánchez Pereira Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Palavras-chave: patrimônio, socioambiental, racismo ambiental, práticas educativas, decolonialidade.

Resumo

Este trabalho visa refletir sobre a contextualização de temas transversais e atuação do educador frente aos eixos ambiental e patrimonial partindo de sua intersecção voltada para pedagogias decoloniais, conforme percebe Catherine Walsh. Buscamos aqui explorar a transversalidade da educação ambiental no encontro com a educação patrimonial a fim de sentipensar pedagogias decoloniais. Nesse sentido, atravessando a teoria crítica para ler o mundo junto a inter-multi-transdisciplinaridade entre as ciências biológicas e humanas entendemos que tais práticas educativas contribuem para a formação humanitária dos educandos, fazendo-os reconhecer através de abordagens na educação ambiental e patrimonial o raciocínio para a autonomia através de incentivo de leitura crítica do mundo através das práticas de educação ambiental crítica e educação patrimonial e suas intersecções voltadas para ótica decolonial.

Biografia do Autor

Bárbara Pelacani, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO
Mestre em Educação pela UNIRIO e pesquisadora do Grupo de Estudos em Educação Ambiental desde el Sur (GEASur)
Tiago Silva Alves Muniz, Universidade Federal do Pará
Doutorando em Antropologia pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal do Pará
Celso Sánchez Pereira, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Doutor em Educação pela PUC/RJ e coordenador do Grupo de Estudos em Educação Ambiental desde el Sur (GEASur)
Publicado
2019-06-18
Como Citar
Pelacani, B., Muniz, T. S. A., & Pereira, C. S. (2019). Educação Ambiental crítica e estudos de patrimônio crítico: intersecções e virada para pedagogias decoloniais. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 14(2), 133-151. https://doi.org/10.34024/revbea.2019.v14.2632
Seção
Artigos