Contribuições da Educação Ambiental para a Gestão integrada em Mosaicos de Áreas Protegidas: o caso do Mosaico Central Fluminense (RJ)

Autores

  • Frances Vivian Correa Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Marina Ferreira Praça Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Carlos Frederico B. Loureiro Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Nahyda Franca Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas, Rio de Janeiro, RJ

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.2135

Palavras-chave:

Mosaicos de Áreas Protegidas, Educação Ambiental, Gestão Integrada e Participativa.

Resumo

A partir da perspectiva crítica da educação ambiental, objetiva-se discutir o processo de fortalecimento da gestão integrada de mosaicos de áreas protegidas. O artigo inicia com uma discussão sobre gestão de UCs no Brasil e sobre os pressupostos metodológicos da educação ambiental que fundamentam as estratégias de gestão participativa nesses espaços territoriais. Com esse aporte conceitual, é descrito o caso do Mosaico Central Fluminense. Na sequência são feitas considerações que permitem pensar as práticas de educação ambiental em mosaicos, reforçando sua validade e ao mesmo tempo indicando as dificuldades inerentes a um espaço mediado pelas contradições existentes em uma sociedade socialmente desigual e ambientalmente injusta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-06-30

Como Citar

Correa, F. V., Praça, M. F., Loureiro, C. F. B., & Franca, N. (2016). Contribuições da Educação Ambiental para a Gestão integrada em Mosaicos de Áreas Protegidas: o caso do Mosaico Central Fluminense (RJ). Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 11(2), 342–356. https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.2135

Edição

Seção

Relatos de Experiências
Recebido em 2015-07-14
Aceito em 2016-04-11
Publicado em 2016-06-30