Percepção ambiental de um fragmento da paisagem do municipio de Itaúna(MG): um estudo de caso com alunos de pós-graduação em geografia

Autores

  • Larissa Duarte Araújo Pereira Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG
  • Pablo Cristiano Alves Coelho Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG
  • Ricardo Henrique Palhares Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG
  • Melina Amoni Silveira Alves Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG
  • José Henrique Izidoro Apezteguia Martinez Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG
  • Guilherme Taitson Bueno Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.2115

Palavras-chave:

Percepção Ambiental, Paisagem, Croqui, Itaúna.

Resumo

AAntes de a humanidade ter consciência dela mesma ou das sociedades que a formaram, houve certamente preocupação em se perceber o ambiente onde essas sociedades se estabeleceriam. No processo de percepção do meio que o cerca, o homem atribui valores e representações mentais dos signos e conteúdos que constituem o espaço percebido. O presente artigo visa apresentar o resultado de uma análise da percepção ambiental de alunos de um programa de Pós-Graduação em Geografia sobre um fragmento de paisagem do município de Itaúna, Minas Gerais, por meio da elaboração de croquis realizados por alunos voluntários. Os autores tabularam e contabilizaram através de uma matriz de dupla entrada todos os elementos comuns e não comuns encontrados. Por meio da avaliação dos croquis foi possível identificar vinte elementos compondo o fragmento da paisagem observada. Estes elementos, aparentemente, foram distribuídos homogeneamente entre os croquis, sendo encontrados entre onze a quatorze elementos em cada um deles.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Larissa Duarte Araújo Pereira, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas, Mestra em Ensino de Ciências e Matemática – Ênfase em Ensino de Biologia e Doutoranda em Geografia – Tratamento da Informação Espacial, pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES (2014 - 2018).

Pablo Cristiano Alves Coelho, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Graduado em Comunicação Social, Mestre em Geografia – Tratamento da Informação Espacial e Doutorando em Geografia – Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES (2013 – 2017).

Ricardo Henrique Palhares, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Graduado em Geografia, Mestre em Geografia – Tratamento da Informação Espacial e Doutorando em Geografia – Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES (2014 – 2018).

Melina Amoni Silveira Alves, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Graduada em Geografia, Mestra em Geografia – Tratamento da Informação Espacial e Doutoranda em Geografia – Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Bolsista de Fixação de Recursos Humanos do CNPq – Nível D.

José Henrique Izidoro Apezteguia Martinez, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Graduado em Geografia e Mestrando em Geografia – Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES (2014 – 2016).

Guilherme Taitson Bueno, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Graduação em Geografia pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Mestre em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP, Doutor em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP, co-tutela em Sciences de la Terre pelo Institut de Physique du Globe de Paris.

Downloads

Publicado

2016-03-31

Como Citar

Pereira, L. D. A., Coelho, P. C. A., Palhares, R. H., Alves, M. A. S., Martinez, J. H. I. A., & Bueno, G. T. (2016). Percepção ambiental de um fragmento da paisagem do municipio de Itaúna(MG): um estudo de caso com alunos de pós-graduação em geografia. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 11(1), 173–182. https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.2115

Edição

Seção

Artigos
Recebido em 2015-05-26
Aceito em 2016-03-11
Publicado em 2016-03-31