A inclusão da Educação Ambiental nos conteúdos curriculares do ensino superior sul-mato-grossense: cenários e perspectivas

Autores

  • Djanires Lageano Neto de Jesus Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS
  • Roberta de Arruda Braga Silva Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.1955

Palavras-chave:

Educação Ambiental, Ensino Superior, Transversalidade.

Resumo

A Educação Ambiental de modo geral trata de assuntos que visa construir uma cidadania voltada a pensamentos sustentáveis. O objetivo deste estudo é de analisar se os cursos superiores de Arquitetura & Urbanismo, de Geografia e de Turismo ofertados nas Instituições de Ensino Superior (IES) de Mato Grosso do Sul estão contemplando em seus currículos a Educação Ambiental de modo transversal, contínuo e permanente. A metodologia foi baseada no método indireto buscando referenciais teóricos sobre o tema bem como a documentação disponível no site do Ministério da Educação e nos sites das IES do estado de Mato Grosso do Sul. Os resultados parciais apontam pouca transversalidade nos conteúdos sobre questões ambientais abordados pelos cursos superiores analisados no Estado, o que pode oportunizar uma visão restrita dos futuros egressos quando estiverem demonstrando suas competências e habilidades profissionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Djanires Lageano Neto de Jesus, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS

Graduado em Turismo Graduado em Administração Mestre em Geografia Doutor em Geografia Docente em cursos de graduação e Pós-Graduação

Roberta de Arruda Braga Silva, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS

Graduada em Geografia Graduanda em Arquitetura e Urbanismo Especialista em Educação Ambiental e Sustentabilidade

Downloads

Publicado

2016-06-30

Como Citar

Jesus, D. L. N. de, & Silva, R. de A. B. (2016). A inclusão da Educação Ambiental nos conteúdos curriculares do ensino superior sul-mato-grossense: cenários e perspectivas. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 11(2), 164–177. https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.1955

Edição

Seção

Artigos
Recebido em 2014-09-07
Aceito em 2016-04-01
Publicado em 2016-06-30