Contribuição da Educação Ambiental no âmbito de desenvolvimento de gestão residual no Instituto Agrário Chókwè, Moçambique

Autores

  • Munossiua Efremo Macorreia

DOI:

https://doi.org/10.34024/revbea.2018.v13.1806

Palavras-chave:

Educação Ambiental, Gestão dos Resíduos Sólidos, Instituto Agrário Chókwè.

Resumo

Atualmente a educação ambiental, é o único instrumento que desempenha maior influência na sensibilização nas pessoas no âmbito social, econômico e socioambiental, proporcionando consciência que possibilita contribuir positivamente na construção duma sociedade sustentável que envolve a participação ativa dos munícipes, visando a diminuição da quantidade de matéria orgânica e produtos reutilizáveis ou recicláveis disponível nos resíduos sólidos de origem domiciliar, comercial e industrial. Para o efeito, a pesquisa em causa é qualitativa, com abordagem descritiva, exploratória e empírica Pois, com base desta pesquisa, permitiu o pesquisador fazer a observação, seleção, consolidação, análise documental e a entrevista semi-estruturada através de contacto direto com os formandos, agentes públicos, professores e a comunidade em geral. Assim, foram realizadas entrevistas com 90 formandos do primeiro, segundo e terceiro ano do curso de Agro-Pecuária, com uma amostra de 27 formandos, subdivididas em dois grupos: Sendo 15 homens com 55.6% e 12 mulheres com 44.4%. Todos foram interrogados sobre conteúdos relacionados com a gestão dos resíduos sólidos, visando identificar a quantidade e tipo de resíduo gerado pela escola, na perspetiva de responder a seguinte questão: Quais os níveis de conhecimentos e as práticas educativas que podem ajudar no âmbito escolar para a mitigação e a gestão seletiva dos resíduos sólidos? Assim, O presente estudo tem como objetivo: Analisar a contribuição da educação ambiental na coleta seletiva do lixo, de forma que os aprendizes possam assumir posições significativas com valores referentes ao seu comportamento no âmbito da gestão dos resíduos sólidos, identificando qual o nível de compreensão em relação ao meio ambiente em seu dia-a-dia. Face a isso, os resultados revelam a existência de carência nos serviços de limpeza pública oferecidos pelo município, o que desestimula os aprendizes a separação dos resíduos, já que não há coleta seletiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-09-30

Como Citar

Macorreia, M. E. (2018). Contribuição da Educação Ambiental no âmbito de desenvolvimento de gestão residual no Instituto Agrário Chókwè, Moçambique. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 13(3), 245–262. https://doi.org/10.34024/revbea.2018.v13.1806

Edição

Seção

Relatos de Experiências
Recebido em 2012-06-02
Aceito em 2018-08-06
Publicado em 2018-09-30