<b>Baia da Guanabara: educação ambiental e interdisciplinaridade no ensino profissionalizante<b>

  • Emílio Reguera Rua
  • Paulo Sérgio Alves De Souza
Palavras-chave: Educação ambiental. Contextualização. Interdisciplinaridade.

Resumo

Apresentamos neste trabalho o relato de um projeto interdisciplinar que envolveu as disciplinas Química e Estudos Regionais (disciplina do curso Técnico em Administração). A Baía de Guanabara foi o pano de fundo para que os alunos, a partir da realidade de um ecossistema ambientalmente degradado discutissem as origens, causas e possíveis soluções de curto, médio e longo prazos para o equacionamento do problema. Esta abordagem permitiu, através do diálogo entre conceitos das duas disciplinas, a difusão da educação ambiental entre os alunos, bem como o desenvolvimento de uma sensibilidade socioambiental, indispensável a um futuro Técnico em Administração.

Biografia do Autor

Emílio Reguera Rua
Mestre em Planejamento Urbano e Regional em 2005 pelo IPPUR/UFRJ. Atua como geógrafo do quadro permanente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística na área de geografia urbana e regional.

Mais informações: Currículo Lattes

Publicado
2010-12-09
Como Citar
Rua, E. R., & Souza, P. S. A. D. (2010). <b>Baia da Guanabara: educação ambiental e interdisciplinaridade no ensino profissionalizante<b&gt;. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 5(1), 84-88. https://doi.org/10.34024/revbea.2010.v5.1721
Edição
Seção
Artigos