A transversalidade da temática ambiental na educação profissional: uma análise dos cursos técnicos integrados do IFS

  • Juliano Azuma da Costa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS), Campus de Aracaju.
  • Kallyne Machado Bonifácio Universidade Federal da Paraíba (UFPB) https://orcid.org/0000-0002-0767-9226
  • Sônia Pinto de Albuquerque Melo Instituto Federal de Sergipe, Estância, SE
  • Reinaldo Farias Paiva de Lucena Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS) https://orcid.org/0000-0002-1195-4315
Palavras-chave: Educação ambiental; Práticas pedagógicas; Transversalidade; Política Nacional de Educação Ambiental.

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi analisar a presença da temática ambiental, como Tema Transversal, nos Cursos Técnicos de Nível Médio Integrados ao Ensino Médio do Instituto Federal de Sergipe – Campus Aracaju. Neste sentido, foram analisados, inicialmente, o Projeto Político Pedagógico Institucional do IFS, os Projetos Pedagógicos do Cursos e os Planos de Ensino dos docentes. Em seguida, foram aplicados questionários aos alunos e professores para analisar a presença da temática ambiental nas práticas pedagógicas em sala de aula. Participaram deste estudo 262 alunos e 63 professores dos Cursos Técnicos Integrados em Alimentos, Edificações e Química. Os resultados revelaram que a Educação Ambiental ainda é incipiente no IFS. Há a necessidade de reformulação dos documentos pedagógicos institucionais para que estes sigam diretrizes comuns em relação a Educação Ambiental e retratem a transversalidade.

Biografia do Autor

Juliano Azuma da Costa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS), Campus de Aracaju.

Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS), Campus de Aracaju.

Kallyne Machado Bonifácio, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Pós-Doutoranda (PNPD/CAPES) do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente (PRODEMA), Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Reinaldo Farias Paiva de Lucena, Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS)

Professor do Instituto de Biociências, Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Campus de Campo Grande. Professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente (PRODEMA), Universidade Federal da Paraíba, Campus I, João Pessoa. 

Referências

BILERT, V.S.Z. et al. A Educação Ambiental nas universidades públicas estaduais do Paraná: uma análise a partir dos documentos institucionais. Revista Monografias Ambientais, v. 13, n. 4, p. 3444-3452, 2014.

BOMFIM, A.M. et al. Parâmetros curriculares nacionais: uma revisita aos temas transversais meio ambiente e saúde. Trabalho, Educação e Saúde, v.11, n.1, p. 27-52, 2013.

BONAMINO, A.; MARTÍNEZ, S.A. Diretrizes e Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental: a participação das instâncias políticas do Estado. Educação e Sociedade, v. 23, n. 80, p. 368-385, 2002.

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros curriculares nacionais: ambiente, saúde. Brasília: MEC: SEF, 1997.

BRASIL. Lei n. 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11892.htm>. Acesso em: 07 mai. 2020.

BRASIL. Lei n. 9.795, de 27 de abril de 1999. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9795.htm>. Acesso: 07 mai. 2020.

CORRÊA, S.A. et al. A Inserção dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) nas Escolas da Rede Pública do Estado de Goiás – Brasil: a Abordagem dos Temas Transversais - com Ênfase no Tema Meio Ambiente. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, v.17, 2006.

DE-CARVALHO, R.; MATEI, A.P. Transversalizando conteúdos de Física no ensino médio: o efeito estufa causado pela pecuária. Ciência & Educação, v. 25, n. 1, p. 255-266, 2019.

FREITAS et al. A Educação Ambiental como tema transversal no ensino básico e superior do Campus Porto Nacional – IFTO: análise quantitativa e proposta de intervenção Revista Brasileira de Educação Ambiental, v. 13, n. 2. p. 282-293, 2018.

GIL, A.C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. São Paulo: Atlas, 1995.

INSTITUTO FEDERAL DA APARAÍBA. Resolução n. 132, de 02 de outubro de 2015. Disponível em: <https://www.ifpb.edu.br/pre/assuntos/documentos-> Acesso em: 03 mai. 2020.

INSTITUTO FEDERAL DE SERGIPE. Plano de Desenvolvimento Institucional 2014-2019. 2015. Disponível em: <http://www.ifs.edu.br/ planejamento-e-gestao/plano-de-desenvolvimento-institucional-do-ifs>. Acesso em: 03 mar. 2017.

INSTITUTO FEDERAL DE SERGIPE. Projeto Pedagógico do Curso Técnico de Nível Médio Integrado ao Ensino Médio em Alimentos, 2014a. Disponível em: <http://www.ifs.edu.br/proen/index.php/ppc>. Acesso em: 03 mar. 2017.

INSTITUTO FEDERAL DE SERGIPE. Projeto Pedagógico do Curso Técnico de Nível Médio Integrado ao Ensino Médio em Edificações, 2014b. Disponível em: <http://www.ifs.edu.br/proen/index.php/ppc>. Acesso em: 03 mar. 2017.

LAMOSA, R.A.C.; LOUREIRO, C.F.B. A Educação Ambiental e as políticas educacionais: um estudo nas escolas públicas de Teresópolis (RJ). Educação e Pesquisa, v. 37, n.2, p. 279-292, 2011.

OLIVEIRA. E.G.; SAITO, C.H. Análise do material didático PROBIO – Educação Ambiental com foco na transversalidade curricular do tema meio ambiente. Revista Brasileira de Educação Ambiental, v.9, n. 2. p. 225-238, 2014.

RODRIGUES, A.P.S. O curso técnico em meio ambiente integrado ao ensino médio no estado do Paraná como alternativa para a formação integral dos jovens. Revista Brasileira de Educação Profissional e Tecnológica, v.1, p. 1 – 16, 2020.

ROOS, A.; BECKER, E. L. S. Educação Ambiental e Sustentabilidade. Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental, v. 5, n. 5, p. 857 - 866, 2012.

SANTOS, A.G.; SANTOS, C.A.P. A Inserção da Educação Ambiental no Currículo Escolar. Revista Monografias Ambientais, v. 15, n.1, p. 369-380, 2016.

SEVERINO, A.J. Formação política do adolescente no Ensino Médio: a contribuição da Filosofia. Pro-Posições, v. 21, n. 1, p. 57-74,2010.

SILVA, J.A.; RAMOS, M.A. Contribuições da etnobiologia para formação continuada de professores de ciências da educação escolar quilombola. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 19, n. 1, p. 132-158, 2019.

VERGARA, S.C. Método de pesquisa em administração. Atlas: São Paulo, 2005.

VIÇOSA, C.S.C.L. et al. Meio ambiente como tema transversal no contexto de um curso experimental de curta duração e da metodologia da problematização. Revista Brasileira de Educação Ambiental, v.15, n. 1. p. 09-26, 2020.

UNITED NATION – UN. Transforming our World: The 2030 Agenda for Sustainable Development. 2015. Disponível em: <https://sustainabledevelopment.un.org/post2015/transformingourworld/publication> Acesso em: 05 mai. 2020.

Publicado
2021-03-10
Como Citar
Costa, J. A. da, Bonifácio, K. M., Melo, S. P. de A., & Lucena, R. F. P. de. (2021). A transversalidade da temática ambiental na educação profissional: uma análise dos cursos técnicos integrados do IFS. Revista Brasileira De Educação Ambiental (RevBEA), 16(2), 232-247. https://doi.org/10.34024/revbea.2021.v16.10736
Seção
Artigos