Ecoturismo e desenvolvimento local na Floresta Nacional de Caxiuanã/Melgaço (PA)

Autores

  • Silvia Helena Ribeiro Cruz Universidade Federal do Pará, Belém, PA
  • Fabricio Lemos de Siqueira Mendes Universidade Federal do Pará, Belém, PA
  • Raul Ivan Raiol de Campos Universidade Federal do Pará, Belém, PA

DOI:

https://doi.org/10.34024/rbecotur.2016.v9.6594

Palavras-chave:

Ecoturismo, Desenvolvimento Local, Caxiuanã, FLONA.

Resumo

A prática do ecoturismo em unidades de conservação apresenta-se como uma alternativa de uso público constantes nos planos de manejo. Na Amazônia paraense, observa-se que as lacunas de políticas públicas direcionadas para as Unidades de Conservação, sejam estaduais e/ou federais, é o principal entrave ao desenvolvimento do ecoturismo nestas áreas, assim como para a garantia de sustentabilidade dos recursos existentes, e para as comunidades tradicionais. A despeito desta problemática, vislumbra-se que o desenvolvimento local é um dos princípios do ecoturismo, sendo, portanto, uma das alternativas de manejo para essas áreas. Desse modo, este estudo objetivou analisar as possibilidades do ecoturismo na Floresta Nacional de Caxiuanã/Melgaço (PA), enquanto alternativa de desenvolvimento local, manejo dos recursos de forma sustentável e envolvimento das comunidades locais. Para o alcance dos resultados foi realizado, revisão bibliográfica e documental, um survey na área, particularmente na Estação Científica Ferreira Penna, base do ICMBIO, além da comunidade Brabo, momento em que se fez levantamento de dados, entrevistas, registro fotográfico e observação direta quanto as possibilidades para o desenvolvimento local, tendo como foco o ecoturismo. Os resultados demonstram que os recursos naturais e culturais da FLONA são fatores preponderantes para o desenvolvimento do ecoturismo, com possibilidades de segmentação e tipologias diversas, como: observação de pássaros; ecoturismo; turismo de base comunitário; turismo científico. Porém, urge a definição de um documento norteador com estratégias e diretrizes para regulamentar as ações e operação das atividades; parcerias entre as instituições que desenvolvem pesquisas, fiscalização e controle ambiental da área; além de criar instrumento de governança, planejamento e empoderamento das instituições e populações locais. Ecotourism and local development in National Forest Caxiuanã/Melgaço (PA, Brazil) The practice of ecotourism in protected areas is presented as an alternative to constant public use in the management plans. In Pará Amazon, it is observed that public policy gaps directed to the protected areas, are state and / or federal, is the main obstacle to the development of ecotourism in these areas, as well as guaranteeing sustainability of existing resources, and for traditional communities in these areas. Despite this problem, one sees that the local development is one of the ecotourism principles and is therefore one of the management alternatives for these areas. Thus, this study aimed to analyze the possibilities of ecotourism in the National Forest Caxiuanã/Melgaço (PA, Brazil), as an alternative to local development, management of sustainable resources and involvement of local communities. To achieve the results was carried out, documentary and bibliographical review, a survey in the area, particularly in the Ferreira Penna Scientific Station, base ICMBIO, beyond Brabo community, when we did survey data, interviews, photographic records and direct observation as the possibilities for local development, focusing on ecotourism. The results show that natural and cultural resources of the National Forest are important factors for the development of ecotourism, with segmentation possibilities and various types, such as bird watching; ecotourism; Community-based tourism; scientific tourism. However, it is urgent to define a guiding document with strategies and guidelines to regulate the actions and operation of activities; partnerships between institutions that develop research, monitoring and environmental control area; and create governance tool, planning and empowerment of local institutions and populations. KEYWORDS: Ecotourism; Local Development; Caxiuanã; FLONA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-11-30

Como Citar

Cruz, S. H. R., Mendes, F. L. de S., & Campos, R. I. R. de. (2016). Ecoturismo e desenvolvimento local na Floresta Nacional de Caxiuanã/Melgaço (PA). Revista Brasileira De Ecoturismo (RBEcotur), 9(6). https://doi.org/10.34024/rbecotur.2016.v9.6594
Recebido em 2016-08-31
Aceito em 2016-10-15
Publicado em 2016-11-30

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)