Turismo de Base Comunitária: proposta para o resgate cultural da comunidade quilombola Alto Itacuruçá, Abaetetuba (PA)

Autores

  • Dayara Vanessa de Souza Bezerra Universidade Federal do Pará, Belém, PA
  • Jonathan Rodrigues Nunes Universidade Federal do Pará, Belém, PA
  • Rayanne Silva Nascimento Universidade Federal do Pará, Belém, PA
  • Vânia Lúcia Quadros Nascimento Universidade Federal do Pará, Belém, PA

DOI:

https://doi.org/10.34024/rbecotur.2016.v9.6571

Palavras-chave:

Turismo de Base Comunitária, Comunidade Quilombola Alto Itacuruçá, Resgate da Memória Cultural.

Resumo

O Turismo de base comunitária tem se expandido pelo Brasil, devido ao incentivo à valorização da diversidade cultural, possibilitando aos municípios a exposição de suas atividades naturais e histórica assim como sua cultura tradicional, contribuindo diretamente na economia local. Neste sentido, este trabalho objetiva analisar o arcabouço cultural existente na comunidade Quilombola Alto Itacuruçá, ressaltando a inserção do turismo de base comunitária como uma alternativa para resgatar a memória cultural, haja vista a sua grande significância para a história do município de Abaetetuba (PA). Para tal se utilizará pesquisas bibliográficas e de campo, além de entrevistas com os moradores locais com intensão de compreender a etnicidade do espaço. Tais pesquisas subsidiarão a precursão da atividade turística na comunidade, atribuindo aos mesmos uma análise acadêmica da importância cultural que possuem, aliando a valorização e geração de opção de renda. Os resultados da pesquisa demonstram que a cultura tradicional é bastante expressiva no cotidiano das pessoas mais antigas da comunidade, as quais receberam o conhecimento passado por gerações, como brincadeiras tradicionais, cantigas, agricultura familiar, artesanatos e carpintaria. Entretanto houve uma interrupção nessa propagação da cultura para a juventude decorrente da modernização. O Turismo de base comunitária pode vir como um aliado para o enaltecimento dos saberes tradicionais, ao propor oficinas de qualificação, cujos instrutores serão os próprios patriarcas da comunidade, além de rodas de conversa resgatando a memória das raízes tradicionais, evidenciando a relevância e potencialidade atrativa que possuem para o mercado turístico. Tourism Community-Based: a propose to the cultural rescue of the quilombola community Alto Itacuruçá, Abaetetuba (PA, Brazil) Tourism community-based enables more than inclusion of the autochthonous community, planning and management of tourism, the appreciation of cultural diversity, allowing municipalities the conscious use of its natural and historical attractions, as well as its traditional culture, contributing directly to the local economy. The aim of this study was to analyze the possibility of integration of community-based tourism in Quilombo Alto Itacuruçá (High Village Itacuruçá) community as an alternative to rescue the cultural memory, given its importance to the history of the city of Abaetetuba (PA, Brazil). Therefore, we conducted bibliographic and field research, with the information gathering tools and interviews with local residents. The results demonstrate that the local traditional culture is very expressive, being represented in the daily lives of older people in the community, which received the knowledge passed from generation to generation, which are cited as examples the traditional games, songs, family farming, crafts and carpentry. Also demonstrate that there was an interruption in this spread for today's youth as a result of the modernization. In conclusion, the community-based tourism appears as an ally to the enhancement of traditional knowledge, proposing qualification workshops, whose instructors are the community patriarchs themselves, and conversation circles rescuing the local memory, highlighting the relevance and Attractive potential of the community for the tourist market. KEYWORDS: Community-Based Tourism; Quilombo Alto Itacuruçá Community; Rescue of Cultural Memory.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dayara Vanessa de Souza Bezerra, Universidade Federal do Pará, Belém, PA

Discente de Graduação da Faculdade de Turismo. Estagiária da Secretaria do Estado de Esporte e Lazer - Pará.

Jonathan Rodrigues Nunes, Universidade Federal do Pará, Belém, PA

Discente de Graduação da Faculdade de Turismo. Vice-Presidente do Centro Acadêmico de Turismo e Bolsista do Edital Pibex/ Proex do Centro de Visitação "Estádio Olímpico do Pará (EOP)

Rayanne Silva Nascimento, Universidade Federal do Pará, Belém, PA

Discente de Graduação Faculdade de Turismo Estagiária de turismo da Secretaria do Estado de Esporte e Lazer - Pará.

Vânia Lúcia Quadros Nascimento, Universidade Federal do Pará, Belém, PA

Possui doutorado em Desenvolvimento Socioambiental pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido do NAEA/UFPA, tendo defendido, em 27/11/2015. É graduada em Bacharelado em Turismo pela Universidade Federal do Pará (1999), especialista em Planejamento e Gestão de Turismo pelo Centro Universitário do Pará (2001) e mestre em Planejamento do Desenvolvimento pelo Núcleo de Altos Estudos Amazônicos - NAEA/UFPA (2009).

Downloads

Publicado

2016-11-29

Como Citar

Bezerra, D. V. de S., Nunes, J. R., Nascimento, R. S., & Nascimento, V. L. Q. (2016). Turismo de Base Comunitária: proposta para o resgate cultural da comunidade quilombola Alto Itacuruçá, Abaetetuba (PA). Revista Brasileira De Ecoturismo (RBEcotur), 9(6). https://doi.org/10.34024/rbecotur.2016.v9.6571
Recebido em 2016-08-30
Aceito em 2016-10-03
Publicado em 2016-11-29