Corcovado: reflexões sobre imaginários e impressões dos turistas no Parque Nacional da Tijuca (RJ, Brasil) no contexto de valorização da cidade pela UNESCO

Autores

  • Marta de Azevedo Irving Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Frances Vivian Corrêa Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Bruna Ranção Conti Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Eloise Silveira Botelho Universidade Federal de Juiz de Fora. Juiz de Fora, MG
  • Sônia Lúcia Peixoto Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

DOI:

https://doi.org/10.34024/rbecotur.2012.v5.6288

Resumo

O Corcovado, um dos símbolos mais significativos do Rio de Janeiro, situado no Parque Nacional da Tijuca, representa um ícone do processo de reconhecimento da cidade como “Paisagem Cultural da Humanidade” pela UNESCO. E ilustra como poucos atrativos da cidade, a indissociabilidade entre natureza e cultura, principalmente no momento em que se rediscute as estratégias de planejamento ecoturístico, na perspectiva de parques nacionais no Brasil. Tendo em vista o valor simbólico do Corcovado neste debate e, a importância crescente da cidade para o turismo nacional e internacional, o objetivo deste trabalho é contribuir para interpretar como se expressa o imaginário e as impressões dos turistas que ali chegam, na perspectiva do debate sobre natureza e cultura. O trabalho se desenvolveu com base em pesquisa bibliográfica e documental, complementada com dados de campo. Esta pesquisa, embora exploratória e preliminar, ilustra, pedagogicamente, o sentido do título de “Paisagem Cultural da Humanidade” atribuído ao Rio de Janeiro pela UNESCO.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marta de Azevedo Irving, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

Formação interdisiplinar, com graduação em Biologia (Ecologia/Biologia Marinha) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1978) e Psicologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (1981), com ênfase em psicologia social. Mestrado pela Universidade de Southampton (UK) em 1983, na temática de gestão de ecossistemas costeiros. Doutorado pela Universidade de São Paulo (1991) em gestão de ecossistemas costeiros sob a ótica de planejamento e controle de poluição. Pós doutorado na Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais (EHESS) de Paris e no Departamento de Ecologia e Gestão da Biodiversidade do Museu de História Natural de Paris (2004-2005) e no Departamento Homens , Naturezas e Sociedades (2008) sobre a temática da gestão da biodiversidade e inclusão social. Em seu percurso profissional se especializou na temática do desenvolvimento, vinculado às relações sociedade-natureza, em suas interfaces com a reflexão sobre inclusão social e governança democrática em políticas públicas. As principais áreas de pesquisa e reflexão envolvem: a) investigação crítica de projetos de desenvolvimento em suas interfaces com os marcos globais que orientam as açoes de políticas públicas resultantes das principais convenções internacionais; b) gestão participativa da biodiversidade e desenvolvimento de tecnologia social; c) governança democrática no processo de criação e gestão de áreas protegidas; d) turismo e sustentabilidade, e) marketing ambiental e consumo verde; d) Desenvolvimento local. Com este enfoque , a pesquisadora tem trabalhado em diversas regiões e biomas do país e do exterior e lidera o Grupo de Pesquisa Governança, Biodiversidade, Áreas Protegidas e Inclusão Social (GAPIS-Plataforma Lattes CNPq),no âmbito do qual foram defendidas diversas dissertações de mestrado e teses de doutorado. Diversos trabalhos tem sido tambem realizados em seu percurso profissional, em parceria com a gestão pública e diversas instituições nacionais e, internacionais, no âmbito das Nações Unidas em planejamento e gestão de projetos na temática de conservação ambiental e desenvolvimento. Autora de diversos textos científicos e material didático-pedagógico em veículos nacionais e internacionais de divulgação. Atualmente é Professora Associada III e pesquisadora do Programa Eicos de Pós Graduação em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social (IP/UFRJ) e do Programa de Pós Graduação em Politicas Públicas e Estratégias de Desenvolvimento (PPED/IE/UFRJ e do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Políticas Públicas e Estratégias de Desenvolvimento da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Downloads

Publicado

27.09.2012

Como Citar

Irving, M. de A., Corrêa, F. V., Conti, B. R., Botelho, E. S., & Peixoto, S. L. (2012). Corcovado: reflexões sobre imaginários e impressões dos turistas no Parque Nacional da Tijuca (RJ, Brasil) no contexto de valorização da cidade pela UNESCO. Revista Brasileira De Ecoturismo (RBEcotur), 5(3). https://doi.org/10.34024/rbecotur.2012.v5.6288
Recebido: 2012-07-25
Aceito: 2012-07-31
Publicado: 2012-09-27

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)