Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  • O texto está em espaço simples; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • Declaro que o manuscrito foi rigorosamente revisado, de acordo com as normas gramaticais vigentes.
  • Todas as direções de páginas da Internet (URL), incluídas no texto (Ex.: Http://www.unifesp.br) estão ativadas e listas para fazer clique.
  • A identificação da autoria não se encontra em nenhuma parte do corpo do trabalho, a qual foi substituída por “Autor” no corpo do texto, nas referências e notas no topo da página, no lugar dos nomes dos autores, título...
  • Declaro saber que os direitos do autor dos artigos publicados nesta revista são do autor, embora os direitos da primeira publicação são da Converg. Fam. Pol. Pub. que adota a Licença Creative Commons Atribuição-No Comercial 4.0 Internacional.

Diretrizes para Autores

A Revista Convergências: Famílias e Políticas Públicas, do Núcleo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Famílias e Políticas Públicas – NEF, é um periódico científico de que publicação trabalhos originais (que não foram publicados em outro periódico, Anais de evento, página da web ou qualquer outro veículo de divulgação), elaborado por, no máximo, cinco autores (tendo, ao menos um destes, titulação de DOUTORADO). A partir de 2024, o periódico passa a adotar um fluxo contínuo para suas publicações, abandonando o formato de edições anuais. Essa transição visa promover a disseminação do conhecimento científico, especialmente em meio aos desafios e demandas da atualidade.
O autor é aquele que contribuiu significativamente na concepção da pesquisa, no desenvolvimento, na interpretação dos dados e em todo o processo de revisão e aprovação da versão final do artigo.

O Periódico publica artigos científicos , resumo expandido de dissertações de mestrado, produtos técnicos e relatos de experiência segundo o perfil de cada chamada, garantindo o foco em Famílias e Políticas Públicas, dentro da área das ciências da saúde, humanas e sociais.
O Periódico adota medidas para prevenir conflitos de interesse durante a avaliação dos artigos submetidos. Para garantir o anonimato dos autores, não deverá constar quaisquer exceções de autoria no corpo do texto, sendo recomendado o registro "XXX" em substituição aos nomes dos autores e suas instituições. Caso o artigo seja aprovado para publicação, a equipe editorial buscará as informações de autoria nos metadados do texto.
São aceitos trabalhos redigidos em língua portuguesa, espanhola, inglesa e francesa. No caso de artigos escritos em outra língua que não o português, é necessário que sejam acompanhados de título, resumo e palavras-chave em português. Os trabalhos deverão ter um título que indique claramente o foco principal do estudo.
Seguindo a Lei de Direitos Autorais brasileira, Lei n.º 9.610, de 19 de fevereiro de 1998, as opiniões e os conceitos emitidos nos trabalhos, o estilo de redação, a exatidão, adequação e fidelidade da procedência das bibliográficas são de responsabilidade exclusiva fazer(s) autor(es).
O Periódico Convergências: Famílias e Políticas Públicas estabelece critérios rigorosos para a publicação de textos, exigindo que estejam em conformidade com a norma culta da língua. Todos os textos devem passar por uma revisão final realizada por profissionais competentes, sendo que os custos dessa revisão de responsabilidade do autor. É obrigatório que os textos já sejam submetidos e corrigidos pelos autores antes do processo de revisão, sendo a qualidade da linguagem um planejamento primordial para a aprovação.
Ao submeter um trabalho para publicação, os autores cederão automaticamente os direitos autorais ao Periódico, podendo o trabalho ser publicado posteriormente em outros veículos de informação com autorização do periódico, mencionando a publicação original em Convergências: Famílias e Políticas Públicas.
Textos que envolvam estudos com seres humanos devem ser acompanhados da aprovação da pesquisa pela Comissão ou Comitê de Ética da instituição responsável, em conformidade com a Resolução n.º 510, de 04/07/2016, do Conselho Nacional de Saúde, aplicável às áreas de Ciências Humanas e Sociais.
Estudos realizados com apoio de instituições de fomento à pesquisa podem inserir nota final de agradecimentos a essas instituições.
O periódico reserva-se o direito de não publicar artigos de um mesmo autor em intervalos menores que 12 meses e pode recusar um trabalho se não forem atendidas, ressalvas ou concessões de alterações feitas pelos pareceristas. Os trabalhos devem seguir as normas de formatação do Periódico, disponíveis no Modelo fornecido.
Após a liberdade do trabalho, os autores deverão apresentar uma Declaração de Autoria e Responsabilidade pelo Conteúdo Publicado, incluindo traduções de resumos e palavras-chave em língua estrangeira.
Os trabalhos científicos devem ser submetidos exclusivamente através do sistema online disponível no site do Periódico, em https://periodicos.unifesp.br/.
Os trabalhos submetidos são dos seguintes Tipos/Categorias:
Artigo: relato de investigação ocorre atendendo aos princípios de originalidade, objetividade e clareza da questão norteadora. O trabalho deve representar uma contribuição relevante para a área das Ciências Humanas e Sociais, e o campo da investigação conter referencial teórico consistente, atual e consistente com a problemática em estudo e com a metodologia, apresentando argumentação explícita e sustentável na análise dos dados e na discussão dos resultados, com Correção de linguagem e indicação do potencial para voltar-se referência para outros estudos e pesquisas.
Os artigos devem ter entre 12 e 17 páginas incluindo: resumo, resumo, resumo e referências.
A identificação dos autores deve vir logo abaixo do título, com chamada de rodapé em numeral, utilizando o recurso automático do Word. Uma nota de rodapé deve identificar para cada autor a maior titulação, Universidade, Nome do Departamento ou da instituição, Programa de Pós-Graduação, Grupo de pesquisa, Agência de Fomento, Cidade, País e E-mail. ID Orcídea.
O resumo deve conter entre 600 e 900 caracteres com espaços, incluindo informações que identifiquem: problema, objetivos, referencial teórico, metodologia e síntese dos principais resultados do estudo realizado, na fonte Times New Roman, tamanho 11 e espaçamento entrelinhas 1,0. O resumo deve apresentar entre 3 e 5 palavras-chave. Título (máximo 20 palavras), resumo e palavras-chave devem ser escritos em português, inglês e espanhol, além do idioma de origem do artigo. Os títulos, os resumos e as palavras-chave em línguas estrangeiras deverão ser escritos em itálico.
No corpo do texto deve ser eliminada a numeração dos itens (introdução, desenvolvimento, considerações finais ou conclusões), utilizando-se títulos breves destacados em negrito, justificados, sem retirada, utilizando letras ocultas e minúsculas. Não é necessário escrever a palavra desenvolvimento, simplesmente, escreva o título do tópico.
Sugira que as ilustrações possam ser apresentadas em núcleos.
Obs: Ao enviar o texto, para os editores, deverá ser adicionada a declaração de revisão gramatical da publicação.


Resumo expandido (Dissertação de Mestrado em andamento, Produto Técnico Educacional, Trabalhos de Conclusão de Curso e relatos de experiência)
O texto não deve exceder 6 (seis) páginas no total, excluindo as referências.
O título em letras secretas, utilizando fonte Time New Roman, corpo 12, em negrito, centralizado com, no máximo, 20 palavras.
Abaixo do título, insira os nomes do(s) autor(es) e do(s) orientador(es), seguidos da filiação institucional de ambos, assim como o e-mail do autor principal.
O resumo do texto (fonte Times New Roman, em corpo 12, justificado, em parágrafo único, com espaçamento de 1,5 entre as linhas), escrito em parágrafo único, deve conter no máximo 250 (duzentas e cinquenta) palavras, com breves e informações concretas sobre a justificativa, os objetivos, métodos, resultados e conclusões do trabalho e sem inclusão de tabelas, equações, desenhos, figuras e referências bibliográficas.
Deve apresentar de três a cinco palavras-chave, separadas por ponto e vírgula, dispostas em sequência, na mesma linha.
A introdução do trabalho deve ser breve e conter, no máximo, 1000 (um mil) palavras. Justificar o problema treinado de forma clara, utilizando-se revisão de literatura. O último parágrafo deve conter os objetivos do trabalho realizado.
A metodologia deve ser concisa, mas suficientemente clara, para que o leitor entenda e possa reproduzir os procedimentos utilizados. Deve conter as referências da metodologia de estudo e/ou análises laboratoriais empregadas. Não deve ultrapassar 500 (quinhentas) palavras.
Os resultados e discussão devem conter os dados obtidos, até o momento, podendo ser apresentados, também, na forma de Tabelas e/ou Figuras. A discussão dos resultados deve ser baseada e comparada com a literatura utilizada no trabalho de pesquisa, relacionando sua relevância, vantagens e possíveis limitações. Não foi definido um limite máximo de palavras para esta seção, com o objetivo de permitir maior flexibilidade ao(s) autor(es), desde que não seja excedido o limite de seis laudas no total do trabalho.
As considerações finais devem ser elaboradas com o verbo no presente do indicativo, em frases curtas, sem comentários adicionais, e com base nos objetivos e resultados do Resumo Expandido. Não deve ultrapassar 200 (duzentas) palavras.
Todos os trabalhos devem ser digitalizados em editor de texto Word ou similar, fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento 1,5 entrelinhas e parágrafos, com margens 2,5 cm, papel tamanho A4; recuo de 1,25cm da esquerda para parágrafos e 4,0 cm para restrições com mais de 3 linhas. Devem obedecer à NBR 6022/2018 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e às normas da American Psychological Association (APA), no caso de artigos internacionais.
O corpo do trabalho deve começar com a INTRODUÇÃO seguida das demais SEÇÕES, que específicas o desenvolvimento e a CONCLUSÃO, anunciadas por níveis digitados em guardados, com a mesma fonte do corpo do texto, em negrito e com numeração, ajustada à margem esquerda. Ao final devem vir as REFERÊNCIAS (sem enumeração) seguidas das NOTAS, se houver, com comentários e informações referentes ao texto. Nas Subseções, quando houver, deverão seguir a formatação das cláusulas, porém com letras minúsculas.
As instruções devem seguir a NBR 10520/2002, da ABNT, a qual determina que:
• Citações diretas com até três linhas devem ser inseridas no texto e colocadas entre aspas duplas. Devem constar a indicação do autor da citação.
Exemplos:
- Ao final da citação: “Citação” (Pimenta, 2011, p.74).).
- No início do parágrafo ou inserido no texto: Segundo Pimenta(2011, p. 74) “Citação”, ou Candau (2014, p. 26) diz que: “[...] citação”.
• Citações indiretas ou paráfrases (texto baseado na obra do autor consultado) devem seguir os mesmos critérios anteriores para referência do autor.
• Devem ser utilizados os seguintes recursos nas especificações: [...] para indicar supressões e [ ] para indicar interpolações, acréscimos ou comentários.
As referências deverão ser redigidas segundo as normas da ABNT (NBR 6023/2018 e suas e seguintes). As obras referenciadas deverão apresentar uma configuração: Times New Roman 12, alinhamento à esquerda, espaçamento simples entrelinhas da mesma referência, insira uma linha simples entre cada referência. São obrigatórios o nome e o sobrenome dos autores por extenso.
Exemplos:
Artigo em periódico eletrônico
MINAYO, Maria Cecília de Souza. Análise qualitativa: teoria, passos e fidedignidade. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 3, pág. 621-626, mar. 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v17n3/v17n3a07.pdf. Acesso em: 14maio. 2024.
Livros e Tese:
PARO, Vitor Henrique. Gestão democrática da escola pública. 3.ed. São Paulo: Ática, 2005.
PAULINO, Simone Fabrini. A prática da participação na política educacional do município de Diadema - São Paulo: a influência dos referenciais freireanos. 2009. 149f. Dissertação (Mestrado em Educação: Currículo) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Capítulo de livro
PIMENTA, Selma Garrido. Epistemologia da prática ressignificando a Didática. In: FRANCO, Maria Amélia Santoro; PIMENTA, Selma Garrido (Orgs.). Didática: debates contemporâneos. São Paulo: Edições Loyola, 2010. p.15-41.
Os demais exemplos de Referências constam no Template a seguir.
Modelo
As notas de rodapé no artigo devem ser numeradas sequencialmente ao longo do texto, sem começar novamente em cada página ou serem adicionadas no final do documento.


Revisão Bibliográfica
O artigo de revisão bibliográfica é um estudo que envolve análise, síntese e interpretação das informações disponíveis em diversas fontes bibliográficas sobre um tema específico. Tem como objetivo apresentar o panorama atual do conhecimento a respeito do assunto em questão, analisar e reunir as principais contribuições de diferentes autores, verificar as lacunas na literatura existente e sugerir novas abordagens de pesquisa.
Os artigos de revisão deverão ter entre 12 e 15 páginas incluindo: resumo, resumo, resumo e referências. Devem obedecer à mesma orientação dada para os artigos originais em relação à digitação e formatação.
Adoção de softwares de verificação de similaridade
O periódico Convergências está comprometido com a integridade acadêmica e a originalidade dos trabalhos publicados. Para garantir a segurança e evitar a apropriação de ideias, processos, resultados ou palavras de outros sem o devido reconhecimento, adotamos uma política rigorosa de verificação de similaridade.
Política de Verificação:
• Quais Casos São Verificados: todos os manuscritos submetidos ao periódico Convergências são verificados por meio da Verificação de Similaridade. Este software é uma ferramenta avançada que compara os manuscritos enviados com uma extensa base de dados de conteúdo publicado para identificar possíveis sobreposições de texto. Isso inclui artigos originais, revisões, comunicações breves, entre outros tipos de envios.
• Momento da Verificação: a verificação de similaridade é realizada no início do processo de avaliação editorial, antes da revisão por pares. Isso garante que questões de originalidade sejam identificadas e tratadas precocemente no fluxo de submissão e avaliação.
• Consequências de Similaridade Detectada: manuscritos que apresentem um grau significativo de similaridade com outros trabalhos publicados, queda plágio, serão eliminados. O Convergências entende o plágio como uma violação grave da ética na publicação científica.
• Responsabilidade dos Autores: os autores são integralmente responsáveis ​​pelo conteúdo e informações apresentadas em seus manuscritos. É esperado que eles sigam as normas éticas de citação e reconhecimento de trabalhos anteriores.
• Sanções: os autores cujos manuscritos foram encontrados contendo plágio poderão sofrer alterações determinadas pelo Conselho Editorial do IFPP. Estas podem incluir a decisão de submissões futuras ao periódico por um tempo determinado, além de outras medidas conforme a gravidade do caso.


Comitê de Ética
Todas as pesquisas envolvendo seres humanos submetidos ao IFPP devem receber aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) da instituição responsável, em consonância com os princípios estabelecidos na Declaração de Helsinque de 1975, revisada em 2013, e na Resolução 466/ 2012 do Conselho Nacional de Saúde do Brasil. Os manuscritos deverão ser acompanhados de uma declaração atestando que a pesquisa foi realizada com o consentimento informado e privacidade de todos os participantes. É necessário obter consentimento por escrito do paciente (ou de seu representante legal, se aplicável) para a publicação de quaisquer detalhes ou imagens que possam identificar um indivíduo. Autores de pesquisas internacionais devem garantir que seus estudos foram aprovados por um comitê de ética competente e fornecer documentação comprobatória dessa aprovação. Além disso, é fundamental que os autores sejam conscientes e sigam as normas éticas de suas respectivas jurisdições locais, além de aderirem às diretrizes éticas globais.


Direitos Autorais
O CFPP adota uma política de direitos autorais compatível com as recomendações dos Critérios SciELO, visando proteger os interesses dos autores e promover a disseminação aberta e ética do conhecimento científico. Os autores que publicam no CFPP mantêm os direitos autorais de seus trabalhos, mesmo que o artigo seja publicado sob os auspícios do periódico. Todos os artigos publicados no CFPP são licenciados sob Creative Commons Attribution (CC-BY), permitindo a reutilização e distribuição dos trabalhos, desde que atribuídos o crédito devido ao autor original e à publicação no CFPP. Esta abordagem facilita a ampla disseminação e reutilização de trabalhos sem restrições, promovendo a difusão ética e acessível do conhecimento científico. Qualquer reutilização ou distribuição de artigos publicados na Convergências deverá incluir a citação correta do trabalho original, garantindo o reconhecimento adequado aos autores e mantendo a integridade acadêmica do processo de publicação. A política de direitos autorais do periódico Convergências reflete seu compromisso com a promoção da ciência aberta e o respeito pelos direitos e contribuições dos autores, visibilidade e reconhecimento aos autores, ao mesmo tempo em que contribui para o avanço do conhecimento nas áreas humanas e sociais.


Responsabilidade do Autor:
- A inclusão de nomes genéricos, marcas comerciais registradas ou outros termos similares nesta publicação não implica necessariamente que tais nomes contenham isentos das restrições de direitos autorais ou regulamentações aplicáveis. Cabe ao autor garantir que as instruções sejam solicitadas para a reutilização de materiais protegidos por direitos autorais incluídos em seu manuscrito.
- As opiniões expressas pelos autores dos artigos são de sua responsabilidade exclusiva e não refletem necessariamente a posição ou política do periódico.


Contribuição dos Autores
É obrigatório que cada autor declare ter contribuído de forma substancial para o trabalho, assumindo assim a responsabilidade por uma parte significativa do conteúdo do manuscrito. Cada autor deve detalhar suas contribuições específicas para o trabalho. O autor correspondente, ou aquele que submete o trabalho, deve garantir durante o processo de submissão a precisão e integridade de todos os dados apresentados no manuscrito. Excluindo novos artigos de tecnologia, as declarações relacionadas à responsabilidade científica não estão incluídas no manuscrito publicado.
O CFPP recomenda que a autoria se baseie nos seguintes quatro critérios:
• Contribuições substanciais para a concepção ou design do estudo; ou aquisição, análise ou interpretação dos dados; e
• Participação na redação do trabalho ou revisão crítica de conteúdo intelectual importante;
• Aprovação final da versão a ser publicada; e
• Concordância em assumir responsabilidade por todos os aspectos do trabalho, garantindo que questões relacionadas à precisão ou integridade sejam devidamente investigadas e resolvidas.
Os colaboradores que não cumpram os critérios de autoria devem ser listados nos Agradecimentos, assim como o apoio financeiro de agências de fomento. Todas essas informações devem ser incluídas na Carta de Apresentação e Folha de Rosto, veja detalhes a seguir na página do arquivo do manuscrito:
- Título: O título do manuscrito deve ser em inglês, conciso e informativo. Para revisões sistemáticas e metanálises, incluindo o tipo de estudo como subtítulo. Por exemplo: "Política de Saúde Comunitária: Um Estudo no Município de Monte Escuro". Os títulos resumidos deverão seguir o limite previsto para a categoria dos manuscritos. Títulos que sejam excluídos de maior extensão deverão ser submetidos à aprovação do Editor Chefe.
- Nome dos Autores: Os nomes completos dos autores, bem como suas respectivas responsabilidades. As afiliações de cada autor devem incluir informações planejadas, como universidade, departamento, cidade, CEP, país, e-mail e ORCID. Todos os autores devem estar cadastrados no ORCID (Open Researcher and Contributor ID - https://orcid.org/signin). Deve ser indicado um autor correspondente / responsável / principal.
- Responsabilidade dos Autores: É obrigatório que cada autor declare ter participado suficientemente do trabalho para assumir a responsabilidade por uma parte significativa do conteúdo do manuscrito. Os colaboradores que não cumpram os critérios de autoria devem ser listados na secção de Agradecimentos, nomeadamente com o apoio financeiro recebido de agências de fomento.
- Declaração de Conflito de Interesses: Deve ser fornecida uma explicação clara sobre a existência ou não de conflitos de interesses (consulte a Política sobre Conflitos de Interesse).
- Financiamento: Todas as fontes de financiamento para a pesquisa, incluindo o número do projeto e a instituição responsável, devem ser declaradas. O papel das agências de financiamento na concepção do estudo, coleta, análise e interpretação dos dados, bem como na redação do manuscrito, deve ser considerado nos Agradecimentos.
- Agradecimentos: Todos os colaboradores que fizeram contribuições substanciais no manuscrito, como coleta de dados, análise e redação, mas que não atendem aos critérios de autoria, devem ser reconhecidos em uma seção de Agradecimentos, juntamente com suas contribuições específicas.
A Carta ao Editor deve ser enviada separadamente do manuscrito e deve explicar os motivos pelos quais o PCFPP foi selecionado para a submissão, incluindo as contribuições científicas do manuscrito para o tema abordado.

Política de Ética e Má Conduta, Errata e Retratação

O periódico CFPP segue orientações às diretrizes éticas para publicação e ao combate à má conduta científica. Qualquer caso de plágio, falsificação de dados, duplicação de publicações, conflitos de interesse não declarados ou outras formas de má conduta científica, uma vez identificada, será tratado com seriedade pelo Conselho Editorial. O CFPP reserva-se o direito de tomar as medidas permitidas, incluindo, mas não se limitando a, a exclusão do manuscrito, a exclusão de futuras submissões pelos autores envolvidos e a comunicação das infrações às instituições afiliadas.

Errata: Reconhecemos a importância de corrigir erros que possam surgir após a publicação de um artigo. Se um erro significativo for identificado, os autores deverão notificar imediatamente o periódico. Uma errata será publicada o mais rápido possível para detalhar as correções e garantir a precisão e integridade do registro científico.

Plágio e Autoplágio (Reciclagem de Texto ): O CFPP proíbe o plágio e o autoplágio. O autoplágio ocorre quando um autor reutiliza partes de seus próprios trabalhos publicados anteriormente sem citação adequada. Manuscritos com atualização de texto serão rejeitados e poderão ser avaliados pelo Conselho Editorial.

Publicação Duplicada e Redundante: Publicamos apenas conteúdo original. Não é permitido submeter um estudo a múltiplos periódicos simultaneamente ou dividir os resultados de um estudo em vários artigos (publicação em "salame"). Violações resultarão em destruição ou representação do artigo, com possíveis avaliações pelo Conselho Editorial.

Fabricação e Falsificação de Dados: Fraudes como manipulação de imagens, fabricação ou falsificação de dados resultarão na exclusão imediata do manuscrito do processo de avaliação e possíveis avaliações pelo Conselho Editorial.

Correções e Retratação: Em casos de erros graves ou descobertas de má conduta científica, como plágio ou falsificação de dados, uma representação do artigo pode ser necessária. A decisão de retratar um artigo é tomada pelo editor-chefe, após uma investigação cuidadosa e, quando apropriada, consulta com especialistas externos. A representação será claramente identificada como tal e permanecerá vinculada ao artigo original no site do periódico, mantendo a transparência e a integridade do registro acadêmico.

Uso de Chatbots, ChatGPT nos Manuscritos Submetidos ao IFPP e Conclusões Apresentadas em Manuscritos Científicos que Usam Chatbots ou ChatGPT: Para manter a confiança do público nas descobertas e avanços apresentados, o CFPP apoia as recomendações da WAME sobre as considerações éticas relacionadas ao uso dessas tecnologias nos manuscritos científicos. As diretrizes incluem transparência, responsabilidade, atribuição e discussão de limitações e perspectivas potenciais do uso de Chatbots ou ChatGPT na produção de textos científicos. Os autores devem divulgar a utilização de IA generativa e de tecnologias assistidas por IA no processo de redação, acrescentando uma declaração no final do arquivo principal do manuscrito, antes da seção de Referências. A declaração deve esclarecer a utilização da ferramenta/serviço, o objetivo, a revisão e edição realizada pelos autores, e a responsabilidade pelo conteúdo da publicação. Esta declaração não se aplica à utilização de ferramentas básicas de verificação gramatical, ortográfica, referências, entre outras. Se não houver nada a revelar, não é necessário exigir uma declaração. Essas políticas são fundamentais para manter os altos padrões éticos da publicação científica e garantir a confiança na integridade do conteúdo publicado pelo CFPP.

Artigos

Artigos Originais:

Os estudos e pesquisas têm como objetivo primordial respeitar os princípios de originalidade, objetividade e clareza na questão investigada. O trabalho elaborado deve representar uma contribuição significativa para os domínios da Saúde, das Ciências Humanas e Sociais, embasado em um arcabouço teórico consistente, atualizado e relevante para o problema estudado e a metodologia adotada. É fundamental apresentar uma argumentação explícita e sustentável na análise dos dados e na discussão dos resultados, com correção linguística e indicação do potencial para se tornar uma referência em estudos e pesquisas futuras. As apresentações podem incluir pesquisas completas, resultados parciais de dados, revisões de literatura e análises de pesquisa.

Os artigos devem ter entre 12 e 17 páginas, incluindo: resumo, abstract, síntese e referências. A identificação do autor deve aparecer imediatamente abaixo do título, com referências de nota de rodapé em ordem numérica, usando a função automática do Word. As notas de rodapé devem identificar a qualificação mais alta de cada autor, o nome da Universidade, o Departamento ou o nome da instituição, o Programa de Pós-Graduação, o Grupo de Pesquisa, a Agência de Financiamento, a Cidade, o País e o endereço de e-mail. ORCID ID.

Artigos de Revisão Bibliográfica:

Se o artigo for uma revisão bibliográfica, deve envolver análise, síntese e interpretação das informações disponíveis em diversas fontes bibliográficas sobre um tema específico. Seu propósito deve ser apresentar o panorama atual do conhecimento sobre o assunto em questão, analisar e reunir as principais contribuições de diferentes autores, verificar as lacunas na literatura existente e sugerir novas abordagens de pesquisa. Esses artigos de revisão devem ter entre 12 e 15 páginas, incluindo: resumo, abstract, resumen e referências, obedecendo às mesmas orientações dadas para os artigos originais em relação à digitação e formatação.

 

Resumo expandido

Um resumo expandido (Dissertação de Mestrado em andamento, Produto Técnico Educacional, Trabalho de Conclusão de Curso)  é caracterizado por sua brevidade, contendo geralmente entre 150 e 250 palavras,  tem uma extensão consideravelmente maior, variando de 500 a 1000 palavras, ou até mais e representa uma versão mais elaborada do resumo convencional de um trabalho acadêmico, como um artigo científico ou uma dissertação de mestrado.  Essa forma ampliada aborda de maneira mais abrangente os principais pontos abordados no documento completo, incluindo contexto e introdução, objetivos, metodologia, resultados, discussão e conclusões.

Esses resumos devem fornecer aos leitores uma compreensão mais abrangente do conteúdo e dos resultados do trabalho, permitindo que tomem uma decisão informada sobre se desejam ou não ler o texto completo.

O texto não deve exceder 6 (seis) páginas no total, excluindo as referências.

O título em maiúsculas, utilizando a fonte Times New Roman, tamanho 12, em negrito, centralizado, com um máximo de 20 palavras.

Abaixo do título, insira os nomes do(s) autor(es) e do(s) orientador(es), seguidos de sua afiliação institucional, bem como o endereço de e-mail do autor principal.

O resumo do texto (fonte Times New Roman, tamanho 12, justificado, em um único parágrafo, com espaçamento de 1,5), deve conter no máximo 250 (duzentos e cinquenta) palavras, com informações breves e concisas sobre a justificativa, os objetivos, os métodos, os resultados e as conclusões do trabalho, sem inclusão de tabelas, equações, desenhos, figuras e referências bibliográficas.

Deve apresentar três a cinco palavras-chave, separadas por ponto e vírgula, dispostas em sequência, na mesma linha.

A introdução deve ser breve e conter no máximo 1000 (mil) palavras. Clarifique claramente o problema estudado, usando uma revisão de literatura. O último parágrafo deve conter os objetivos do trabalho.

A metodologia deve ser concisa, mas suficientemente clara para que o leitor possa compreender e reproduzir os procedimentos utilizados. Deve conter referências à metodologia de estudo e/ou análise de laboratório utilizadas. Não deve exceder 500 palavras.

Os resultados e a discussão devem conter os dados obtidos até o momento presente, e também podem ser apresentados sob a forma de tabelas e/ou figuras. A discussão dos resultados deve ser baseada na literatura utilizada no trabalho de pesquisa, indicando sua relevância, vantagens e eventuais limitações. Não há limite de palavras definido para esta seção, para permitir maior flexibilidade ao(s) autor(es), desde que não ultrapasse o limite total de seis páginas de trabalho.

As conclusões devem ser formuladas com o verbo no tempo presente, em frases curtas, sem comentários adicionais, e baseadas nos objetivos e resultados do Resumo Ampliado. Não devem exceder 200 palavras.

Todos os trabalhos devem ser redigidos em um processador de texto ou software semelhante, em fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento de 1,5 e parágrafos, com margens de 2,5 cm, em papel A4; com recuo de 1,25 cm na margem esquerda para os parágrafos e de 4,0 cm para citações com mais de 3 linhas. Eles devem estar em conformidade com a norma NBR 6022/2018 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e com as normas da American Psychological Association (APA) para artigos internacionais.

O corpo do trabalho deve começar com a INTRODUÇÃO seguida das outras SEÇÕES, que constituem o desenvolvimento e a CONCLUSÃO, indicadas por títulos escritos em maiúsculas, com a mesma fonte do corpo do texto, em negrito e numerados, alinhados à esquerda. Por fim, as REFERÊNCIAS (sem numeração) devem aparecer seguidas de NOTAS, se houver, com comentários e informações relacionadas ao texto. As subseções, se houver, devem seguir o formato das seções, mas com letras minúsculas.

As citações devem seguir a norma ABNT NBR 10520/2002, que determina que:

As citações diretas de até três linhas devem ser inseridas no texto e colocadas entre aspas duplas. O autor da citação deve ser indicado.

Exemplos:

- No final da citação: "Citação" (Pimenta, 2011, p.74).

- No início do parágrafo ou inserido no texto: Segundo Pimenta (2011, p. 74), "Citação", ou Candau (2014, p. 26) diz: "[...] citação".

As citações indiretas ou parafraseadas (texto baseado no trabalho do autor consultado) devem seguir os mesmos critérios acima para a referência do autor. Os recursos seguintes devem ser usados nas citações: [...] para indicar omissões e [ ] para indicar interpolações, adições ou comentários.

As referências devem ser redigidas de acordo com as normas da ABNT (NBR 6023/2018 e suas edições posteriores). As obras referenciadas devem ter a seguinte configuração: Times New Roman 12, alinhamento à esquerda, espaçamento simples dentro da mesma referência, inserindo uma única linha entre cada referência. É obrigatório incluir o nome completo e o sobrenome dos autores.

Exemplos:

Artigo em uma revista eletrônica:

MINAYO, Maria Cecília de Souza. Análise qualitativa: teoria, etapas e fidelidade. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n. 3, p. 621-626, março de 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v17n3/v17n3a07.pdf. Acessado em: 14 de maio de 2024.

Livros e teses:

PARO, Vitor Henrique. Gestão democrática da escola pública. 3ª ed. São Paulo: Ática, 2005.

PAULINO, Simone Fabrini. A prática da participação na política educacional do município de Diadema - São Paulo: a influência das referências freirianas. 2009. 149p. Dissertação (Mestrado em Educação: Currículo) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.

Capítulo de um livro:

PIMENTA, Selma Garrido. Epistemologia da prática redefinindo a didática. In: FRANCO, Maria Amélia Santoro; PIMENTA, Selma Garrido (Orgs.). Didática: debates contemporâneos. São Paulo: Edições Loyola, 2010. p.15-41.

Práticas Interventivas / Relato de caso

Práticas Interventiva/Relato de Caso é uma narrativa que descreve e analisa as experiências de profissionais ou grupos de profissionais nos campos das ciências humanas, sociais ou da saúde. Essas experiências podem ocorrer em diferentes contextos, como salas de aula, atividades extracurriculares e projetos pedagógicos.

É essencial que o relatório inclua a metodologia utilizada, os desafios enfrentados, reflexões feitas durante e após a experiência, estratégias adotadas para superar dificuldades, resultados alcançados e lições aprendidas. O principal objetivo é compartilhar aprendizados e melhores práticas para contribuir com a melhoria na área em questão.

Os relatórios devem ter entre 10 e 12 páginas, incluindo: resumo, síntese e referências. Eles devem seguir as mesmas diretrizes dos artigos originais em relação à tipografia e ao formato.

O título em letras maiúsculas, usando a fonte Times New Roman, tamanho 12, em negrito, centralizado, com um máximo de 20 palavras.

Abaixo do título, insira os nomes do(s) autor(es) e supervisor(es), seguidos de sua afiliação institucional, bem como o e-mail do autor principal.

O resumo do texto (fonte Times New Roman, tamanho 12, justificado, em um único parágrafo, com espaço entre linhas de 1,5), escrito em um único parágrafo, deve conter no máximo 250 palavras, com informações breves e concretas sobre a justificativa, objetivos, métodos, resultados e conclusões do trabalho, sem inclusão de tabelas, equações, desenhos, figuras e referências bibliográficas.

Deve apresentar três a cinco palavras-chave, separadas por ponto e vírgula, dispostas em sequência, na mesma linha.

A introdução do trabalho deve ser breve e conter no máximo 1000 palavras. Justifique claramente o problema estudado, usando uma revisão da literatura. O último parágrafo deve conter os objetivos do trabalho.

A metodologia deve ser concisa, mas suficientemente clara para que o leitor possa compreender e reproduzir os procedimentos utilizados. Deve conter referências à metodologia de estudo e/ou análise de laboratório utilizada. Não deve exceder 500 palavras.

Os resultados e a discussão devem conter os dados obtidos até o momento presente, e também podem ser apresentados em forma de tabelas e/ou figuras. A discussão dos resultados deve ser baseada e comparada com a literatura utilizada no trabalho de pesquisa, indicando sua relevância, vantagens e possíveis limitações. Não há um limite máximo definido de palavras para esta seção, para permitir uma maior flexibilidade ao(s) autor(es), desde que não exceda o limite total de seis páginas de trabalho.

As considerações finais devem ser elaboradas com o verbo no tempo presente, em frases curtas, sem comentários adicionais, e baseadas nos objetivos e resultados do Resumo Estendido. Não deve exceder 200 palavras.

Todos os trabalhos devem ser escritos em um processador de texto ou software similar, em fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento entre linhas de 1,5 e parágrafos, com margens de 2,5 cm, no formato A4; recuo de 1,25 cm na margem esquerda para parágrafos e de 4,0 cm para citações com mais de 3 linhas. Eles devem estar em conformidade com a norma NBR 6022/2018 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e as normas da American Psychological Association (APA) para artigos internacionais.

O corpo do trabalho deve começar com a INTRODUÇÃO seguida das outras SEÇÕES, que constituem o desenvolvimento e a CONCLUSÃO, indicadas por títulos escritos em maiúsculas, com a mesma fonte que o corpo do texto, em negrito e numeradas, alinhadas à esquerda. No final, devem aparecer as REFERÊNCIAS (sem numeração) seguidas de NOTAS, se houver, com comentários e informações relacionadas ao texto. As subseções, se houver, devem seguir o formato das seções, mas com letras minúsculas.

As citações devem seguir a norma ABNT NBR 10520/2002, que determina que:

As citações diretas de até três linhas devem ser inseridas no texto e colocadas entre aspas duplas. O autor da citação deve ser indicado.

Exemplos:

No final da citação: "Citação" (Pimenta, 2011, p.74).

No início do parágrafo ou inserido no texto: Segundo Pimenta (2011, p. 74), "Citação", ou Candau (2014, p. 26) diz: "[...] citação".

As citações indiretas ou parafraseadas (texto baseado no trabalho do autor consultado) devem seguir os mesmos critérios acima para a referência do autor. Os seguintes recursos devem ser usados nas citações: [...] para indicar omissões e [ ] para indicar interpolações, adições ou comentários.

As referências devem ser redigidas de acordo com as normas da ABNT (NBR 6023/2018 e suas edições posteriores). As obras referenciadas devem ter a seguinte configuração: Times New Roman 12, alinhamento à esquerda, espaçamento simples entre as linhas da mesma referência, inserindo uma única linha entre cada referência. É obrigatório incluir o nome completo e o sobrenome dos autores.

Resenha

A resenha é uma forma de expressão escrita focada na análise e no comentário de obras nos campos das Humanidades, Ciências Sociais ou da Saúde. É essencial destacar que uma crítica deve incluir um breve resumo da obra em discussão, uma avaliação dos aspectos positivos e negativos encontrados, bem como a opinião pessoal do crítico sobre a obra analisada.

Essencialmente, a crítica é uma oportunidade para o autor - conhecido como crítico - examinar e comentar uma ampla variedade de produções culturais, como filmes, álbuns de música, romances e outras obras. Seu principal objetivo é oferecer ao leitor uma visão crítica e abrangente do material em questão, ajudando-o a decidir se deve ou não se envolver com ele. Nesse sentido, a crítica desempenha um papel crucial em orientar o público em suas escolhas culturais, fornecendo ideias e perspectivas que podem enriquecer significativamente sua experiência de consumo de mídia.

As resenhas podem ser:

Descritivas: caracterizadas pela predominância da tipologia expositiva, que se caracteriza pela apresentação de uma série de informações sobre o objeto examinado. Neste formato, o crítico se abstém de expressar sua opinião sobre a obra, concentrando-se antes na descrição e apresentação de aspectos objetivos e relevantes do material analisado.

Críticas: de natureza expositivo-argumentativa, combinando elementos de exposição e argumentação para apoiar um ponto de vista específico sobre o objeto examinado. Em sua estrutura, além de um breve resumo do conteúdo a ser examinado, o autor deve desenvolver argumentos para justificar sua avaliação crítica, bem como incluir até 3 palavras-chave.

Este trabalho deve obedecer às normas de formato estabelecidas pela NBR 6022/2018 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), sendo escrito em fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento de 1,5 entre as linhas. As diretrizes da American Psychological Association (APA) para citações em artigos internacionais são seguidas.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.