“Marítimo de profissão”: as matrículas de marinheiros e a História Marítima de Portugal e seus domínios nos séculos XVIII e XIX

  • Jaime Rodrigues Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo – SP
Palavras-chave: História Marítima - História Atlântica - Cultura Marítim

Resumo

Este estudo apresenta os registros de matrículas de navios mercantes que saíram de Lisboa entre a segunda metade do século XVIII e as primeiras décadas de século XIX. Destaco o potencial dessa fonte para estudos sobre circulação dos marítimos. Entre outros temas, a fonte permite: um inventário de cargos e funções a bordo; estabelecer o tempo de experiência e a idade dos indivíduos quando começavam nas profissões marítimas; relacionar tipos de embarcações, rotas, tamanho da tripulação e tempo de viagem; estabelecer as diferenças de naturalidade, condição social, idade, treinamento e experiência dos marinheiros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jaime Rodrigues, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo – SP
Professor Associado, Departamento e Programa de Pós-Graduação em História, EFLCH - Universidade Federal deSão Paulo.
Publicado
2019-05-30
Como Citar
Rodrigues, J. (2019). “Marítimo de profissão”: as matrículas de marinheiros e a História Marítima de Portugal e seus domínios nos séculos XVIII e XIX. Almanack, (21), 14-38. Recuperado de https://periodicos.unifesp.br/index.php/alm/article/view/1335
Seção
Dossiê História Marítima e Portuária