Popular War

Gauchos and the Challenge to Elite Power in Northern Rio de la Plata in the Revolutionary Period

Autores

  • Gustavo L. Paz Universidad Nacional de Tres de Febrero

DOI:

https://doi.org/10.1590/2236-463320151103

Palavras-chave:

Guerra, mobilização rural, milícia

Resumo

A Guerra da Independência provocou a mobilização popular no norte
da Argentina. Logo que a guerra foi travada nas províncias de Salta e
Jujuy, a população rural se alistou em batalhões da milícia desde 1814.
Os regulamentos das milícias no Rio da Prata conclamaram na extensão
da jurisdição militar (Fuero) seus soldados, e também uma compensação
pela sua mobilização para o combate. A mobilização popular no norte de
Rio de Prata representou uma ameaça ao poder da elite à medida em que
desafiava hierarquias e padrões sociais estabelecidos de longa data desde
os tempos coloniais. Ações como a intimidação, a apreensão de gado, e
as ocupações de terra foram comumente tomadas pelos gaúchos como
atos de justiça social. A elite via-as como atos arrogantes e violentos que
visavam cercear seu poder e tirá-los de propriedade e poder.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-01-02

Como Citar

Paz, G. L. (2022). Popular War: Gauchos and the Challenge to Elite Power in Northern Rio de la Plata in the Revolutionary Period. Almanack, (11). https://doi.org/10.1590/2236-463320151103

Edição

Seção

Fórum

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)