POLÍTICA, ECONOMIA, SOCIEDADE, FILOSOFIA E CIÊNCIA: CORRELAÇÕES HISTÓRICAS NOS OITOCENTOS

Autores/as

  • Fernando Santiago dos Santos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo
  • Ivy Jusdensnaider UNIP

DOI:

https://doi.org/10.24316/prometeica.v0i10.101

Palabras clave:

século XIX | história sociopolítica | economia | ciência.

Resumen

O século XIX foi um período histórico marcado por grandes transformações sociopolíticas, geográficas, filosóficas e científicas oriundas, em grande parte, dos ideais pós-revolução do século XVIII e da ascensão da burguesia. A formação dos Estados-nação europeus e a dominação imperialista do mundo por nações como Inglaterra, França, Itália, Rússia e Estados Unidos da América, associadas à crescente racionalização da ciência e aos avanços tecnológicos sem precedentes, são características indeléveis dos Oitocentos. A visão mecanicista do mundo e a tentativa de explicar os fenômenos sociais por meio dos métodos estatísticos também são fatores inerentes ao pensamento científico do período. O positivismo e as ideias revolucionárias de Charles Robert Darwin e Alfred Russel Wallace são, igualmente, marcas do século que, transformando a sociedade e a economia, também influenciaram o modo de pensar da atualidade.

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.

Biografía del autor/a

Fernando Santiago dos Santos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo

Ivy Jusdensnaider, UNIP

Publicado

2015-03-02

Cómo citar

Santos, F. S. dos, & Jusdensnaider, I. (2015). POLÍTICA, ECONOMIA, SOCIEDADE, FILOSOFIA E CIÊNCIA: CORRELAÇÕES HISTÓRICAS NOS OITOCENTOS. Prometeica - Revista De Filosofía Y Ciencias, (10), 58–73. https://doi.org/10.24316/prometeica.v0i10.101
Recebió: 2015-02-28
Publicado: 2015-03-02

Artículos similares

También puede {advancedSearchLink} para este artículo.