A Sociedade portuguesa do século XVII vista por João de Almeida Soares, advogado da Casa da Suplicação

  • Pedro Cardim Universidade Nova de Lisboa
Palavras-chave: Século XVII, Lisboa, Crítica Social

Resumo

O presente documento é composto por três dezenas de pequenas histórias recolhidas por João de Almeida Soares, um advogado que exerceu a sua profissão em Lisboa em meados do século XVII. Conhecemos esse texto graças a uma cópia anónima efetuada no século XVIII. O texto original terá sido redigido, muito provavelmente, no final da década de 1650 ou no começo da de 1660. No seu conjunto, as histórias nele reunidas proporcionam um sugestivo retrato da sociedade portuguesa de meados do século XVII.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Academias dos Singulares de Lisboa. Lisboa: Henrique Valente de Oliveira, 1665 (2 vols).

Anedotas Portuguesas e Memórias Biográficas da Corte Quinhentista. Istórias e Ditos Galantes que Sucederaõ e se Disseraõ no Paço. Introdução, notas e índices de Christopher C. Lund. Coimbra: Livraria Almedina, 1980.

CARVALHO, José Adriano de (ed.). Pais e Nobres I. Cartas de instrução para a educação de jovens nobres (séculos XVI-XVIII). Porto: Edições da Universidade do Porto, 2009.

Ditos Portugueses Dignos de Memória. História Íntima do Século XVI. Notas de José Hermano Saraiva, 2ª ed. Lisboa: Pub. Europa-América, s/d;

MACHADO, Diogo Barbosa. Bibliotheca Lusitana. Lisboa: Ignacio Rodrigues, 1747-1758 (4 vols).

Publicado
2020-09-02
Como Citar
CARDIM, P. A Sociedade portuguesa do século XVII vista por João de Almeida Soares, advogado da Casa da Suplicação . Revista de fontes, v. 7, n. 12, p. 50-63, 2 set. 2020.