Mapeando a transversalidade de gênero em políticas sociais

Um estudo no município de Seropédica, Baixada Fluminense – RJ

Autores

  • Tatiane de Oliveira Pinto UFRRJ
  • Isabelly Andrade de Oliveira UFRRJ

DOI:

https://doi.org/10.34024/pensata.2020.v9.11137

Resumo

Apresentamos neste artigo resultados do projeto de pesquisa-ação intitulado “A transversalidade de gênero em políticas sociais: mapeando ações no município de Seropédica – RJ”, realizado no período de agosto de 2019 a julho de 2020, cujo objetivo foi identificar a transversalidade de gênero, a partir das ações da Política Social de Assistência desenvolvida no município de Seropédica, localizado na Baixada Fluminense, RJ. Nossas inferências apontam para a ineficiência nas políticas sociais que ‘transversalizam’ gênero no município de Seropédica, cujas ações possuem um caráter emergencial e focalizado e, assim não oportunizam uma real mudança na realidade social dos sujeitos envolvidos de maneira mais ampla e contínua.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-02-16

Como Citar

de Oliveira Pinto, T., & Andrade de Oliveira , I. . (2021). Mapeando a transversalidade de gênero em políticas sociais: Um estudo no município de Seropédica, Baixada Fluminense – RJ . Pensata: Revista Dos Alunos Do Programa De Pós-Graduação Em Ciências Sociais Da UNIFESP, 9(2). https://doi.org/10.34024/pensata.2020.v9.11137