Contribuições do Videoeletrencefalograma na Caracterização das Crises Epilépticas Parciais

Autores

  • Elza Marcia Targas Yacubian Médica Assistente da Divisão de Clinica Neurológica do Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicine da Universidade de Sao Paulo.

DOI:

https://doi.org/10.34024/rnc.1996.v4.9005

Palavras-chave:

Epilepsia, crises parciais, videoeletrencefalograma

Resumo

A caracterização das crises parciais é um problema de grande importância pratica. A diferenciação entre crises frontais e temporais é fundamental para a compreensão dos mecanismos críticos e na seleção de pacientes cirúrgicos. A caracterização videoeletrencefalografica da epilepsia deverá guiar o raciocínio clinico e os exames de neuroimagem, Pois lesões epileplogênicas são, muitas vezes, discretas, Neste artigo são revistos os diferentes tipos de crises parciais e a contribuição das diversas manifestações criticas para o diagnostico topográfico da epilepsia.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

.

Downloads

Publicado

1996-10-31

Como Citar

Yacubian, E. M. T. (1996). Contribuições do Videoeletrencefalograma na Caracterização das Crises Epilépticas Parciais. Revista Neurociências, 4(3), 122–128. https://doi.org/10.34024/rnc.1996.v4.9005

Edição

Seção

Seção Especial

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.