Síndrome de Pisa

relato de caso

Autores

  • Adolfo Vasconcelos de Albuquerque Neurologista do Centro Médico Agnaldo Machado, Maceió-AL, Brasil
  • Heloy Darroz Júnior Neurologista, Mestrado em Neurologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Guaçuí-ES, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.34024/rnc.2010.v18.8522

Palavras-chave:

Distonia, Escoliose, Lombalgia

Resumo

Introdução. A síndrome de Pisa (pleurototonus) é uma rara distonia truncal tônica que leva à lateralização do tronco com leve rotação do eixo axial para trás sem distonia em outras partes do corpo. Classicamente essa síndrome é relacionada a uma reação adversa aguda ou tardia ao tratamento com neurolépticos mas pode ser associada a muitas outras medicações ou mesmo ser idiopática. Método. Relatamos um caso de síndrome de Pisa em uma mulher de 33 anos como uma distonia tardia secundária ao uso prolongado de haloperidol. Conclusão. Com o relato dessa rara e pouco conhecida síndrome chamamos a atenção para a necessidade do uso criterioso dos neurolépticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Tolosa E, Alom J. Drug-Induced Dyskinesias. In Jankovic J, Tolosa E. Parkinsonism Disease and Movement Disorders. Baltimore: Urban & Schwarzenberg, 1988, p.327-47.

Yokichi F. Lateral flexion in Parkinson´s disease and Pisa syndrome. J Neurol 2006;253(suppl 7):17-21.

Ekbom K, Lindholm H, Ljungberg L. New dystonic syndrome associated with butyrophenone therapy. J Neurol 1972;2002:94-103.

Stubner S, Padberg F, Grohmann R, Hamper H, Hollweg M, Hippius H, et al. Pisa syndrome (pleurothotonus): report of a multicenter drug safety surveillance project. J Clin Psychiatry 2000;62:569-74.

Yassa R, Nastase C, Cuejic J, Laberge G. The Pisa syndrome (or pleurothotonus): prevalence in a psychogeriatric population. Biol Psychiatry 1991;29:942:45.

Dugal HS, Sivamony S, Umapathy C. Pisa syndrome and athypical antipsychotics. Am J Psychiatry 2004;161:373.

Villarejo A, Camacho A, Garcia-Ramos R, Moreno T, Penas M, Juntas R, et al. Cholinergic-dopaminergic imbalance in Pisa syndrome. Clin Neuropharmacol 2003;26:119-21.

Kwak YT, Han IW, Baik J, Koo M. Relation between cholinesterase inhibitor and Pisa syndrome. Lancet 2000; 355:2222.

Kim JS, Park JW, Chung Sw, Kim YI, Kim HT, Lee KS. Pisa syndrome as a motor complication of Parkinson´s disease. Parkinsonism Relat disord 2007;13:126-28.

Downloads

Publicado

2010-03-31

Como Citar

de Albuquerque, A. V., & Darroz Júnior, H. (2010). Síndrome de Pisa: relato de caso. Revista Neurociências, 18(1), 63–65. https://doi.org/10.34024/rnc.2010.v18.8522

Edição

Seção

Relato de Caso
##plugins.generic.dates.received## 2019-02-17
##plugins.generic.dates.published## 2010-03-31

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.