Terapia a laser de baixa intensidade na regeneração do tecido nervoso após lesão medular

  • Elizângela Márcia de Carvalho Abreu Fisioterapeuta, Doutoranda em Engenharia Biomédica pela UNIVAP e Docente do curso de fisioterapia pela Universidade Paulista, São José dos Campos- -SP, Brasil.
  • Renata Amadei Nicolau Dentista, Doutora em Engenharia Biomédica pela UNIVAP, Docente do curso de pós graduação em Engenharia Biomédica pela UNIVAP, São José dos Campos-SP, Brasil.
Palavras-chave: Terapia a Laser de Baixa Intensidade, Medula Espinal, Ferimentos e Lesões

Resumo

Objetivo. Realizar uma revisão sobre os efeitos da terapia a laser de baixa intensidade (TLBI) na regeneração do tecido nervoso após lesão medular (LM). Método. Buscou-se artigos nos bancos de dados Me­dline, Scielo e Lilacs, entre 2002 e 2014. Utilizou-se as palavras-cha­ves: terapia a laser de baixa intensidade, medula espinal, ferimentos e lesões. Resultados. Foram identificados sete estudos relacionados ao tema, a maioria usou modelo animal (86%) e apenas um (14%) humano. Em relação aos parâmetros de irradiação, o comprimento de onda variou de 780-904nm, a dose de 1,59-20 J/cm², o tempo de aplicação de 2-30 minutos, o período de irradiação de 5-21 dias consecutivos e no estudo com humanos, foram de 40-57 sessões (não consecutivas). As formas de irradiação foram direta ou transcutânea. Dois estudos utilizaram transplante de células associado à TLBI. As causas da LM foram secção completa, hemissecção e contusão. Todos os estudos mostraram resultados positivos da TLBI. Conclusão. A TLBI parece exercer efeitos positivos sobre a LM a partir da diminui­ção do processo inflamatório, diminuição de citocinas e quimiocinas, melhora da distribuição de fibrocartilagem/elastina, maior número e brotamento axonal, e consequentemente menor cavitação no local da lesão, melhor potencial evocado somatossensorial e melhor recupera­ção funcional.

Métricas

Carregando métricas...

Referências

Thuret S, Moon LDF, Gage FH. Therapeutic interventions after spinal cord injury. Nature 2006;7:628-43. http://dx.doi.org/10.1038/nrn1955

General information (endereço na Internet). Charlottsville: International Campaign for Cures of Spinal Cord Injury Paralysis (atualizado em: dado não disponível; citado em 08/2012). Disponível em: http://www.campaignforcure.org

Albuquerque ALP, Freitas CHA, Jorge MSB. Interpretando as experiências da hospitalização de pacientes com lesão medular. Rev Bras Enferm 2009;62:552- 6. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672009000400010

Paula AA, Nicolau RA, Lima MO, Salgado MAC, Cogo JC. Low-intensity laser therapy effect on the recovery of traumatic spinal cord injury. Lasers Med Sci 2014;29:1849-59. http://dx.doi.org/10.1007/s10103-014-1586-4

Abreu LM, Batista LV, Pereira GL, Fonseca LA, Kerppers II, Oliveira CS. Efeito do laser de baixa intensidade no trauma agudo medular: Estudo piloto. ConSci Saúde 2011;10:11-6.

Paula AA, Leite NCS, Fernandes CT, Kerppers II, Nicolau RA, Lima MO et al. Análise do efeito clínico do laser de baixa intensidade em ratos Portadores de lesão medular traumática. XIV Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e X Encontro Latino Americano de Pós-Graduação – Universidade do Vale do Paraíba, 2010, 6p.

Byrnes KR, Waynant RW, Ilev IK, Wu X, Barna L, Smith K, et al. Light promotes regeneration and functional recovery and alters the immune response after spinal cord injury. Lasers Surg Med 2005;36:171-85. http://dx.doi.org/10.1002/lsm.20143

Naeser MA, Hamblin MR. Potential for Transcranial Laser or LED Therapy to Treat Stroke, Traumatic Brain Injury, and Neurodegenerative Disease. Photomed Laser Surg 2011;29:443-6. http://dx.doi.org/10.1089/pho.2011.9908

Stemer AB, Huisa BN, Zivin JA. The Evolution of Transcranial Laser Therapy for Acute Ischemic Stroke, Including a Pooled Analysis of NEST-1 and NEST-2. Curr Cardiol Rep 2010;12:29-33. http://dx.doi.org/10.1007/s11886-009-0071-3

Huang YY, Gupta A, Vecchio D, Arce VJB, Huang SF, Xuan W et al. Tanscranial low level laser (light) therapy for traumatic brain injury. J Biophotonics 2012;5:827-37. http://dx.doi.org/10.1002/jbio.201200077

Andraus RAC, Barbieri CH, Mazzer N. A irradiação local com o laser de baixa potência acelera a regeneração do nervo fibular de ratos. Acta Ortop Bras 2010;18:152-7. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-78522010000300007

Masoumipoor M, Jameie SB, Janzadeh A, Nasirinezhad F, Kerdari M, Soleimani M. Effects of 660 nm Low Level Laser Therapy on Neuropathic Pain Relief Following Chronic Constriction Injury in Rat Sciatic Nerve. Arch Neurosci 2013;1:76-81. http://dx.doi.org/10.5812/archneurosci.13740

Ando T, Sato S, Kobayashi H, Nawashiro H, Ashida H, Hamblin MR, et al. Low-level laser therapy for spinal cord injury in rats: effects of polarization. J Biomed Opt 2013;18:098002. http://dx.doi.org/10.1117/1.JBO.18.9.098002

Rochkind S, Shahar A, Alon M, Nevo Z. Transplantation of embryonal spinal cord nerve cells cultured on biodegradable microcarriers followed by low power laser irradiation for the treatment of traumatic paraplegia in rats. Neurol Res 2002;24:355-60. http://dx.doi.org/10.1179/016164102101200131

Wu X, Dmitriev AE, Cardoso MJ, Viers-Costello AG, Borke RC, Streeter J, et al. 810 nm wavelength light: an effective therapy for transected or contused rat spinal cord. Lasers Surg Med 2009;41:36-41. http://dx.doi.org/10.1002/ lsm.20729

Bohbot A. Olfactory Ensheathing Glia Transplantation Combined With Laserponcture® in Human Spinal Cord Injury: Results Measured by Electromyography Monitoring. Cell Transplant 2010;19:179-84. http://dx.doi.org/10.3727/096368910X492643

Piva JAAC, Abreu EMC, Silva VS, Nicolau RA. Ação da terapia com laser de baixa potência nas fases iniciais do reparo tecidual: princípios básicos. An Bras Dermatol 2011;86:284-91. http://dx.doi.org/10.1590/S036505962011000500013

Chung H, Dai T, Sharma SK, Huang YY, Carroll JD, Hamblin MR. The nuts and bolts of low-level laser (light) therapy. Ann Biomed Eng 2012;40:516- 33. http://dx.doi.org/10.1007/s10439-011-0454-7

Publicado
2015-06-30
Como Citar
Abreu, E. M. de C., & Nicolau, R. A. (2015). Terapia a laser de baixa intensidade na regeneração do tecido nervoso após lesão medular. Revista Neurociências, 23(2), 297-304. https://doi.org/10.34024/rnc.2015.v23.8033
Seção
Revisão de Literatura