Benedetto Varchi. "Terceira Disputa: Em que são símiles e em que diferentes os Poetas e os Pintores". Due Lezzione.

  • Iryna Dahmen Carbonero Mestra em Filosofia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Palavras-chave: Renascimento; Humanismo; Arte; Ut pictura poesis; Mímesis

Resumo

A terceira disputa (Em que são símiles e em que diferentes os Poetas e os Pintores) está presente na obra Due Lezzioni (1549), de Benedetto Varchi. A oração apresenta sua demonstração por meio da exposição dos antigos argumentos do tema do ut pictura poesis, que estabelece uma analogia entre pintura e poesia, tanto nos princípios, quanto no efeito de produzir uma imagem que deleite, persuada e ensine.O fim da terceira oração se resume a um elogio a Dante e a Michelangelo, os quais são tidos como os mais excelentes naquilo que fizeram – Dante como poeta e pai da língua italiana, e Michelangelo como o artista por excelência do Renascimento. Estabelece, assim, a relação entre Michelangelo e Dante. Michelangelo, cuja excelência rivaliza com a de Dante, é para Varchi a personificação da perfeita arte e esse mesmo louvor será repetido pelos vários outros escritores contemporâneos a ele.

Publicado
2019-09-20
Como Citar
Carbonero, I. D. (2019). Benedetto Varchi. "Terceira Disputa: Em que são símiles e em que diferentes os Poetas e os Pintores". Due Lezzione. Revista Limiar, 6(11), 163-169. https://doi.org/10.34024/limiar.2019.v6.9764