Pedro Paulo Abreu Funari e o estudo da Antiguidade

  • Hector Benoit Universidade Estadual de Campinas

Resumo

Homenagem ao Professor Pedro Paulo Abreu Funari

 

Biografia do Autor

Hector Benoit, Universidade Estadual de Campinas
Possui Livre-Docência pela Universidade Estadual de Campinas (2004), doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1990), mestrado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1982) e graduação em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1974). Docente da USP (FFCL-RP) durante dez anos. de 1979 a 1990. Desde 1990, docente do Departamento de Filosofia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP. A partir de 2015, assumiu o cargo de Professor Colaborador, no mesmo Departamento da UNICAMP. Orientador de diversos trabalhos de Iniciação Científica, de Mestrado e Doutorado, assim como, supervisor de trabalhos de Pós-Doutoramento. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em História da Filosofia, atuando principalmente nos seguintes temas: Platão, Proclus, Filosofia Antiga, Filosofia Grega, Platonismo, Marxismo e a Tradição Dialética (desde a sua origem Grega à Modernidade).Diretor do CPA (Centro de estudos e documentação sobre o Pensamento Antigo, Clássico, Helenístico e sua posteridade histórica - IFCH- Unicamp). A partir de 2017, renovação do vínculo de Professor Colaborador do Departamento de Filosofia do IFCH-Unicamp. (Fonte: Currículo Lattes)
Publicado
2018-03-22
Como Citar
Benoit, H. (2018). Pedro Paulo Abreu Funari e o estudo da Antiguidade. Heródoto: Revista Do Grupo De Estudos E Pesquisas Sobre a Antiguidade Clássica E Suas Conexões Afro-asiáticas, 2(2), 53-59. https://doi.org/10.31669/herodoto.v2i2.260
Seção
Notas e depoimentos/Notes and testimonials