Chamada de artigos

2022-07-10

NÚMERO TEMÁTICO “EDUCAÇÃO E VULNERABILIDADE SOCIAL”

A Revista Olhares do Departamento de Educação da Unifesp em parceria com Professores colaboradores do Programa de Pós-graduação em Distúrbios do Desenvolvimento e do Curso de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, apresenta a chamada de trabalhos para compor o Número Temático “EDUCAÇÃO E VULNERABILIDADE SOCIAL”. O número será composto de artigos completos e relatos de experiência que abordem questões teórico-metodológicas e resultados de pesquisas sobre processos educacionais e práticas de formação de professores que se fundamentem na discussão sobre Educação e sua relação com  vulnerabilidade e risco social. Serão bem vindos textos que estabeleçam a interface entre Psicologia e Educação e contribuam com a investigação de processos educativos, sociais e do desenvolvimento humano a partir de conceitos e temas centrais como inclusão, vulnerabilidade, risco social, pandemia de covid-19, insegurança alimentar, desenvolvimento infantil, social e cognitivo e, que apresentam contribuições sobre a compreensão de processos de ensino-aprendizagem, desenvolvimento, fundamentos epistemológicos e metodológicos de pesquisa, com vistas à superação dos desafios educacionais e políticos enfrentados pela Educação no Brasil, nos tempos atuais.

Organizadores

Prof. Dr. Luiz Renato Rodrigues Carreiro

Prof. Dr. Marcos Vinícius de Araújo

Profa. Dra. Edna Martins

Prazo para submissão: 30 de setembro de 2022

Publicação: dezembro de 2022

 

NÚMERO TEMÁTICO “GEPPEDH 10 ANOS: EDUCAÇÃO EM UMA PERSPECTIVA HISTÓRICO-CULTURAL”

A Revista Olhares do Departamento de Educação da Unifesp, em parceria com o GEPPEDH – Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Processos Educativos e Perspectiva Histórico-Cultural, apresenta a chamada de trabalhos para compor o Número Temático comemorativo “Geppedh 10 anos: Educação em uma perspectiva histórico-cultural”. O número será composto de artigos completos e relatos de experiência que abordem questões teórico-metodológicas, resultados de pesquisas sobre processos educacionais e práticas de formação de professores, que se fundamentem na teoria histórico-cultural a partir das proposições de L. S. Vigotski, A. R. Luria, A. N. Leontiev, V.V. Davídov, dentre outros. Tal perspectiva teórica estabelece a interface entre Psicologia e Educação e permite a investigação de processos educativos e constitutivos do ser humano a partir de conceitos centrais como mediação, sentido, significado, pensamento, linguagem, consciência, atividade, entre outros. Nesse contexto, o número temático tem por objetivo contribuir com a divulgação de pesquisas que, ao se embasarem na Teoria Histórico-Cultural, apresentem contribuições sobre a compreensão de processos de ensino, aprendizagem, desenvolvimento, metodologias específicas, fundamentos epistemológicos e metodológicos de pesquisa, com vistas à superação dos desafios educacionais e políticos enfrentado pela educação no Brasil, nos tempos atuais.

Organizadoras

Profa. Dra. Edna Martins

Profa. Dra. Vanessa Dias Moretti

Profa. Dra. Maria de Fátima Carvalho

Prazo para submissão: 15 de outubro de 2022

Publicação: março de 2023