1.
Araújo FR, Rebouças F, Fragoso YD. Possível associação entre a fadiga física e o grau de força dos músculos respiratórios na Esclerose Múltipla. Rev Neurocienc [Internet]. 30º de setembro de 2007 [citado 19º de junho de 2024];15(3):207–210. Disponível em: https://periodicos.unifesp.br/index.php/neurociencias/article/view/8689