MARANHÃO FILHO, P. de A. Depressão Alastrante: Importância para a Fisiopatologia da Enxaqueca. Revista Neurociências, [S. l.], v. 4, n. 3, p. 99–104, 1996. DOI: 10.34024/rnc.1996.v4.8998. Disponível em: https://periodicos.unifesp.br/index.php/neurociencias/article/view/8998. Acesso em: 8 fev. 2023.