Consumo alimentar e anticonsumismo: veganos e freeganos

Autores

  • Juliana Abonizio Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

DOI:

https://doi.org/10.4013/csu.2013.49.2.07

Resumo

Este artigo tem o objetivo de analisar o veganismo e freeganismo enquanto estilos de vida propiciados pela sociedade de consumo. Considerando consumo como sistema dinâmico de classificação do mundo, percebo que tais movimentos, ao propor um consumo anticonsumista, atuam como contracultura em relação à sociedade que possibilitou sua emergência.

Palavras-chave: consumo, cultura alimentar, veganismo, freeganismo, contracultura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliana Abonizio, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

Docente do Departamento de Sociologia e Ciência Política e do Programa de Pós Graduação em Estudos de Cultura Contemporânea -ECCO- da Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT. Líder do Núcleo de Pesquisa de Cultura Popular - Caleidoscópio - e membro da Rede Centro-Oeste de Ensino e Pesquisa em Arte, Cultura e Tecnologias Contemporâneas - Rede CO3.

Downloads

Publicado

2013-08-07

Como Citar

Abonizio, J. (2013). Consumo alimentar e anticonsumismo: veganos e freeganos. Ciências Sociais Em Revista, 49(2), 191–196. https://doi.org/10.4013/csu.2013.49.2.07

Edição

Seção

Artigos